Jeane Alves

Jeane Alves
Vitória de G 1 com Equitana

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Tiago José Pereira, confirma participação do Grande Prêmio Brasil 2011


Recentemente radicado no turfe asiático, Tiago Josué Pereira atualmente ocupa a quarta colocação na estatística do Macau Jockey Club e confirmou presença na festa máxima do turfe carioca.

Com uma Dubai World Cup (G1), um GP São Paulo (G1), uma estatística de jóqueis na Gávea, entre outras muitas conquistas importantes, ainda falta um Grande Prêmio Brasil (G1) em seu currículo, mas o piloto espera mudar isso.

Abaixo um pequeno bate papo com o piloto:

Primeiramente, realmente vem para o meeting do GP Brasil?

TJ: Sim. Estou muito animado com a possibilidade de voltar a montar na maior prova brasileira e rever os amigos.

Pretende montar quantos dias na Gávea?

TJ: Logo que vim para cá, perdi um irmão, então não sei ao certo, pois tenho que resolver algumas pendências aí no Brasil. Mas, pelo menos, monto o fim de semana todo do meeting.

Já tem montaria acertada na principal prova?

TJ: Ainda não. Estou com algumas montarias para o fim de semana, mas nada muito concreto ainda. Acertei com Kito Hope no Breno Caldas (L) e para outras provas faltam apenas detalhes. Pedi ao Leandro Mancuso para me ajudar com as montarias.

Agora falando do turfe de Macau, o que está achando?

TJ: Bom, é diferente. O prado é pequeno, com poucas reuniões por mês, cerca de cinco ou seis. É um turfe mais fechado, pois trazer cavalos para cá fica caro. Mas compensa montar aqui, trabalha-se menos e os prêmios são muito bons.

Tem contrato com algum stud atualmente?

TJ: Aqui não tem jóquei contratado. Acho que os chineses são meio desconfiados, não sei. Tenho um agente aqui, consigo montar bastante e tenho obtido bons resultados, já que entrei no fim da temporada.

Já venceu o Dubai World Cup, o GP São Paulo também levou a estatística de jóqueis da Gávea, o que falta além do GP Brasil?

TJ: Tenho muitos sonhos. Sinceramente procuro fazer o meu melhor em cada páreo e entrego nas mãos de Deus. O GP Brasil é importante, tenho uma história na Gávea e não quero encerrar sem ganhar um. Mas ainda tenho muito tempo e o que tiver que seu meu, será!



Por Celson Afonso

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário