Jeane Alves

Jeane Alves
Vitória de G 1 com Equitana

sábado, 28 de maio de 2011

Tarumã, Ajuda de custo para cavalos alojados no Paraná será estendida até 31/07/2011

Ajuda de custo para cavalos alojados no Paraná será estendida até 31/07/2011





Conforme resolução da Comissão de Turfe, a diretoria do Jockey Club de São Paulo decidiu estender a ajuda de custo no valor de R$ 300,00 (trezentos reais) aos proprietários de animais alojados no Jockey Club do Paraná e que vierem a ser inscritos em páreos comuns para as corridas de Cidade Jardim. A medida, que inicialmente seria encerrada no dia 31/05/2011, agora passa a ter validade até o dia 31/07/2011.

O valor continuará a ser creditado em conta corrente na mesma data em que ocorrer o pagamento dos prêmios da respectiva corrida e desde que o animal participe efetivamente da prova e permaneça alojado em Cidade Jardim ou retorne àquele Jockey Club.

Argentino é acusado de tuitar sobre "negros cagados" do Santos


Após a derrota de 1 a 0 do Cerro Porteño para o Santos, em São Paulo, na noite desta quarta-feira (25), foi publicada uma polêmica mensagem atribuída ao zagueiro cerrista Mariano Uglessich sobre os santistas no Twitter. Mais tarde, ela acabou sendo apagada.

- Que bronca não levar nada daqui! Estou muito confiante que em Assunção ganhamos a série (de dois jogos), estes negros estavam todos cagados! - dizia o texto, em referência aos duelos pelas semifinais da Copa Libertadores da América.

O Santos enfrenta o Cerro na próxima quarta-feira (1º), no Paraguai, dependendo apenas de um empate para decidir a competição contra o vencedor do confronto entre Vélez Sarsfield, da Argentina, e Peñarol, do Uruguai. Se fizer ao menos um gol, o Peixe pode perder pela diferença mínima.

O perfil do argentino Uglessich no Twitter possui pouco mais de 2,5 mil seguidores.

http://terramagazine.terra.com.br

Boy Cott derrota Grecco Sim no Derby Riograndense

Boy Cott derrota Grecco Sim no Derby Riograndense


O Derby Riograndense (L) - 3ª etapa da tríplice coroa - disputado há instantes no Hipódromo do Cristal, foi vencido por Boy Cott, com 1/2 corpo sobre o grande favorito Grecco Sim que, desta maneira, viu cair por terra o sonho da tríplice coroa gaúcha.

Conduzido por L.G.Acosta, Boy Cott, pensionista de A.F.Chaves, assinalou 2:33.30 para os 2.400 metros da pista de areia. Jester Quim finalizou em 3º, Big Hardy foi o 4º e Vila de Noel completou o placar.

Boy Cott é um 3 anos, filho de Fahim e Vassourinha (Pour Henri), de criação do Haras Palmerini e propriedade de Delbio Marques. Esta foi a 3ª vitória de Boy Cott em 15 apresentações.

Nilton Capixaba, Sanguessugas de volta à Comissão de Orçamento

Sanguessugas de volta à Comissão de Orçamento

Seis parlamentares denunciados pela CPI dos Sanguessugas, que apurou desvio de verbas orçamentárias de prefeituras, integram agora a Comissão Mista de Orçamento. Entre eles, estão Nilton Capixaba, acusado de ser um dos líderes do esquema, e João Magalhães, envolvido em outra denúncia de venda de emenda

O Brasil é mesmo um país generoso. Há menos de cinco anos a Câmara deixou de analisar o parecer pela cassação do deputado Nilton Capixaba (PTB-RO), acusado de ser um dos líderes do “braço político” do esquema de desvio de dinheiro público para a compra superfaturada de ambulâncias, o chamado esquema dos sanguessugas. Capixaba escapou da cassação, mas não conseguiu se reeleger em 2006. Este ano, ele voltou à Câmara, conduzido pelos mais de 52 mil votos recebidos em outubro. Três meses após assumir o mandato, o deputado faz parte agora da poderosa Comissão Mista de Orçamento (CMO), responsável pela aprovação da lei orçamentária e pelo acompanhamento da aplicação dos recursos federais.

Foi justamente a apresentação de emendas ao orçamento, cuja análise prévia cabe à comissão, a principal ponta no Congresso do esquema que resultou no pedido de cassação de 72 parlamentares em 2006. Além de Capixaba, outros cinco parlamentares denunciados à época pela CPI integram a atual Comissão Mista de Orçamento. Juntos, eles foram acusados de ter recebido, em valores não corrigidos, mais de R$ 900 mil da Planam, empresa que coordenava a máfia das ambulâncias, em troca da apresentação de emendas que favoreceram a família Vedoin.

Pelo menos quatro desses integrantes da Comissão de Orçamento acusados pela CPI ainda devem explicações à Justiça sobre o caso. Além de Capixaba, também são réus na Justiça Federal de Mato Grosso, que concentra a maioria das investigações, os deputados Jorge Pinheiro (PRB-GO) e Benjamin Maranhão (PMDB-PB). As acusações contra eles são de corrupção, lavagem de dinheiro, formação de quadrilha ou bando e crime contra a Lei de Licitações. Esses processos devem subir em breve para o Supremo Tribunal Federal (STF), onde tramitam as investigações contra parlamentares e outras autoridades federais.

O quarto investigado é João Magalhães (PMDB-MG), indicado à Comissão de Orçamento pela liderança do PMDB. “Eu pedi que me indicassem porque quero desempenhar bem meu mandato. Mas eu não tenho interesse específico na comissão”, assegurou Magalhães ao Congresso em Foco. As indicações para a CMO são de responsabilidade dos líderes partidários.

O deputado mineiro admitiu que também é um dos investigados em processo guardado em absoluto sigilo pelo Supremo relacionado à Operação Sanguessuga, da Polícia Federal. O tribunal não divulga o número do procedimento, nem quem são os acusados e nem mesmo em que fase está o processo. “Sou um dos investigados, mas há outros parlamentares também. A maioria desses casos é fruto de mal entendido. A minha defesa já foi entregue. Não há nada que possa me ligar ao fato”, disse o deputado. “Mas meu advogado me orientou a não falar desse caso por estar sob segredo de justiça. Qualquer coisa que eu diga pode até me atrapalhar”, acrescentou.

O caso de João Magalhães foi um dos que terminaram sem parecer do Conselho de Ética, sob o argumento de que não houve tempo hábil para apresentação de relatório por causa do término da legislatura. Em 2007, numa decisão polêmica, os deputados decidiram não reabrir o caso por entender que não havia por que apurar a conduta do parlamentar por denúncias relativas ao mandato anterior. “Queria ter sido absolvido por inocência, e não por falta de tempo”, reclama João Magalhães.

Operação João de Barro

Este não é o único caso em que o deputado é acusado de ter apresentado emenda à proposta orçamentária em troca de dinheiro. No último dia 28 de abril, ele virou réu no Supremo sob a acusação de ter incluído emendas para beneficiar o pequeno município mineiro de São José do Jacuri. Segundo a denúncia da Procuradoria Geral da República, aceita por unanimidade pelos ministros, o deputado recebeu propina de 10% do total, por meio da prefeitura, para conseguir a liberação de R$ 400 mil da União para obras de infraestrutura do município.

“Este caso é um dos inúmeros casos que foram apurados na chamada Operação João de Barro, em que se desvendou grande esquema criminoso envolvendo manuseio de emendas parlamentares em relação a municípios de Minas Gerais”, disse o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, durante o julgamento. Esse esquema envolveu prefeitos de municípios com até 100 mil habitantes.

“O recebimento de vantagem por parte do parlamentar está devidamente comprovado nos autos”, acrescentou Gurgel. A transformação do inquérito, que tramitava desde 2008, em ação penal recebeu o voto favorável do relator, Gilmar Mendes, que foi acompanhado pelos demais ministros.

Também foram denunciados pela CPI dos Sanguessugas e fazem parte da atual Comissão de Orçamento o deputado Wellington Roberto (PR-PB) e o senador Magno Malta (PR-ES). Os dois, no entanto, foram absolvidos pelos Conselhos de Ética da Câmara e do Senado, que consideraram inconsistentes as denúncias contra eles. No ano passado, 39 dos 72 congressistas denunciados pela CPI dos Sanguessugas tentaram conquistar um novo mandato em todo o país. Mas apenas sete deles conseguiram se eleger.

http://congressoemfoco.uol.com.br

ITAPOÁ TEM PENCA EM JUNHO

ITAPOÁ
Nos dias 10, 11 e 12 de junho, o Jockey Club de Itapoá realizará a 1ª Prova da Tríplice Coroa de Potros, na distância de 500m, para produtos PSI geração 2008, registrados no SBB. Machos (52Kg) e Fêmeas (50Kg), com sobrecarga para os vencedores. Inscrição: R$ 3 mil e Lance: R$ 4 mil. Premiação: Vencedor - R$ 25 mil; 2º - R$ 3 mil; 3º - R$ 2 mil; Treinador do Vencedor - R$ 10 mil, aos demais 5% do valor apostado em seu animal. Informações: (45) 9947-0133 com Alessandro.

SANTO ANTÔNIO DA PATRULHA TEM GP EM JUNHO

SANTO ANTÔNIO DA PATRULHA (RS) - Promoverá nos dias 11, 12 e 13 de junho, o GP Cidade de Santo Antônio da Patrulha, tendo como homenageado André Randazzo (Secretário de Obras), reservado a Produtos PSI da Geração 2008, inéditos, perdedores e convidados, registrados no S.B.B.. Pesos: Inéditos – Fêmeas-48Kg e Machos-50Kg; Inscrição - R$ 1 mil e Lance - R$ 1 mil. Premiação: Total das inscrições ao vencedor. Ao treinador ganhador R$ 2 mil + 5% das apostas no animal de sua responsabilidade, aos demais 5% do jogo em seu animal. OBS.: Liberado o uso de agarradeiras nos posteriores. Padoque de 6h, na eliminatória e final. Os casos omissos serão resolvidos pela Diretoria de acordo com o regulamento próprio do J.C. Patrulhense, que encontra-se a disposição de todos os participantes. No sábado teremos uma Penca de Pradeiros, em 600m. Informações: (51) 9186-4546 (Dêgo) e 9728-4011 (Vaguinho).

Morta testemunha no caso de assassinato de extrativistas

Morta testemunha no caso de assassinato de extrativistas


Foi encontrado neste sábado (28), morto em um matagal, Erenilton Pereira dos Santos, 25 anos, integrante do assentamento Praialta-Piranheira, o memo onde vivia o casal José Claudio Ribeiro e Maria do Espírito Santo, executados na última terça-feira (24), em Nova Ipixuna, sul do Pará. O corpo estava a sete quilômetros do assentamento e a cerca de 100 metros da estrada. Erenilton era testemunha do caso do homicidio de José e Maria. Ele viu uma moto Bros vermelha sair do assentamento. A mesma moto foi flagrada por outra testemunha entrando no local, minutos antes do crime.

Dois dias após o duplo homicídio, Erenilton foi comprar peixe em Porto Barroso, no lago Tucuruí. Ele seguiu na mesma direção em que os motoqueiros suspeitos do assassinato do casal haviam tomado. Desde então, não deu mais notícias. Como Erenilton era considerado desaparecido, neste sábado, 10 pessoas sairam a sua procura. Encontraram a moto da vítima na estrada, próxima ao corpo, que foi localizado, por volta das 10h, por equipe do Ibama e da Polícia Federal.

Segundo a Comissão Pastoral da Terra, Erenilton também morreu com um tiro na cabeça e a arma seria do mesmo calibre da utilizada na execução do casal de extrativistas Zé Cláudio e Maria.

A vítima, que praticamente nasceu no assentamento Praialta-Piranheira, era casada e tinha quatro filhos. A família da vítima está assustada e teme retaliações. As polícias Federal e Rodoviária Federal já se encontram no local. Instituto Médico Legal e Polícia Civil estão a caminho.

Este foi o quarto homicídio de trabalhador rural em cinco dias, três deles aconteceram no Pará.

Adelandia Alves vence com No More a

Sublimacion, do Haras Santa Maria de Araras, vence Grupo II


Argentina: Em San isidro, Sublimacion, do Haras Santa Maria de Araras, vence Grupo II
De criação e propriedade do Haras Santa Maria de Araras, Sublimacion uma filha de Open (Lure) se impôs de forma categórica no Clássico Particula G 2 na escala internacional, para éguas de 3 anos e mais idade na distância de 2.200 metros, disputado na sexta-feira (27/05), em pista de grama pesada do “circo norteño” de Buenos Aires.

Com Vitaminado, vencedor do GP 25 de Mayo, também em San Isidro na quarta-feira passada, a parceria Araras com o treinador Juan “Juanca" Maldotti, o jockey Juan "Chupino" Noriega e Halpern Bay (USA) em linha materna, tiveram destacada performance nas duas principais provas estrelares durante esta semana no turfe porteño.

Sublimacion livrou 3½ corpos de Tattoum (Lode), sua companheira formado a dupla do Araras, em terceiro, Jumbalaya (Pure Prize) a 1½ corpo e em quarto a 12 corpos, Tequila Shot (Know Heights). A representante das sedas brasileiras estabeleceu o tempo de 2’15”72 para a distancia.

(Sábado, 28 de maio 2.011 - 11:15hs)

por Mário Rozano

Swat mata herói americano na frente da família

Swat mata herói americano por engano, e na frente da família

José Guerena tinha 26 anos. Morava com a esposa e dois filhos no Arizona.

Ele era um ex-mariner. Havia sido condecorado por bravura por atuações no Afeganistão e no Iraque.

No Afeganisão, o mariner Guerena, conforme grafado no seu currículo militar, combateu alqaedistas e talebans.

Ontem, Guerena foi enterrado com honras militares.

Ele não foi morto pelos talebans. Nem por membros da Al-Qaeda. Muito menos por iraquianos eversivos. Apenas a Swat do Arizona conseguiu matar Guerena. Aliás, covardes, despreparados e insensíveis agentes da Swat, a Special Weapons and Tactics do Arizona.

O ex-mariner Guerena restou morto por policiais da badalada Swat na sua casa. Teve o corpo perfurado por 60 projéteis de arma de fogo de grosso calibre.

Segundo a perícia técnica, Guerena foi atingido 60 vezes em sete segundos.

Pior ainda. Os agentes da Swat não deixaram Guerena ser atentido por médico, enquanto agonizava.

O médico chamado pelos vizinhos só pode entrar na casa de Guerena depois que os milicianos da Swat constataram que era falsa a denúncia anônima. Uma denúncia de que na casa de Guerena funcionava um ponto de venda de maconha.

Quando da invasão da Swat, por volta das 9h30, o ex-mariner estava na companhia da esposa e do filho de três anos.

O filho mais velho, de seis anos, estava na escola.

Guerena só teve tempo de empurrar a mulher e o filho para um quarto, pois pensou tratar-se de ladrões.

Sem sucesso, o ex-mariner Guerena tentou apanhar uma espingarda. Os policiais da Swat invadiram o domicílio atirando. E prova técnica demonstrou que a espingarda não foi acionada.

No computador de Guerena, consoante informou a perícia, os agentes da Swat não encontraram nenhum indicativo de que traficava ou consumia maconha. E nem outra droga proibida. Na casa, toda remexida pelos membros da Swat, nada se encontrou.

PANO RÁPIDO. No final de semana, a polícia militar de São Paulo atacou os participantes da chamada Marcha da Maconha. Seus comandantes de tropas desconhecem o dispositivo constitucional que permite a liberdade de manifestação e de associação.

Wálter Fanganiello Maierovitch

Mataram Dona Maria e Zé Claudio




"Qualquer coisa que eu fale, e qualquer coisa que eu escreva, tem lágrima. Eu acho que a tinta, quando eu to escrevendo, ela é borrada pela lagrima". Pausa. Choro. Lágrimas.

E dona Maria continua: "A ousadia. Ela é uma coisa que alimenta, para mim. Alimenta a luta". Mais choro.

Estamos sentados na varanda de sua casa, no assentamento agroextrativista Praia Alta Piranheira. Faz um dia bonito, sol forte, mês de outubro de 2010. A varanda é o "escritório" de Dona Maria, disse o marido seu Zé Cláudio.

Seu Zé Cláudio anda impaciente, enquanto dona Maria está sentada conversando comigo. Ele fica nervoso. Sabe que ela fala. E dona Maria conta as ameaças que eles têm sofrido. Intimidações. Recados. As angústias. Os madeireiros que querem cortar as castanheiras. Os carvoeiros que querem fazer carvão. Os fazendeiros que querem pasto. É mulher forte. E sensível. Está concluindo a dissertação de mestrado - "quero estudar o nosso projeto de assentamento. Quem vem fazer pesquisa aqui, vem e vai, não volta." Ela quer fazer um livro. Porque acha que as histórias devem ficar escritas.

Ela me disse coisas muito bonitas. Cheia de lágrimas:

"Quando criou esse assentamento, pra mim era uma coisa tão distante. E eu sou do campo. Meu pai era do campo, nunca criou boi, sempre colheu da floresta. Com esse projeto, eu, como liderança dos povos extrativistas, toda a minha trajetória, chegando aqui, essa história de luta que nós estamos construindo aqui dentro. Todas as coisas bonitas. Foi um modelo em 1997. Hoje, contamos com o Conselho Nacional dos Seringueiros e a Comissão Pastoral da Terra. Ninguém mais apóia. Isso foi me angustiando. Surgiu a idéia de escrever um livro. O projeto ta sendo saqueado a cada momento, a biodiversidade está desaparecendo.

Os demais, são só omissos.

Tem que ficar alguma coisa escrita. Não pode eu fazer só o trabalho para universidade. Mas para eu deixar alguma coisa para as futuras gerações. Se você voltar daqui a um mês, ou daqui 10 anos, não importa. O dia que você voltar aqui você vai encontrar as mesmas pessoas, só um pouco mais velhas, já que a cada dia a gente envelhece. Mas a floresta é essa mesma. A idéia é essa mesma."

Seu Zé Cláudio, um bravo guerreiro, estava revoltado com a venda ilegal de madeira: "quem compra?" E se dizia o verdadeiro ambientalista: "por que eu moro na floresta, eu vivo nela, e não vendo."

O casal foi assassinado na manhã desta terça-feira, por volta das 7:30, a cerca de 8 km de sua casa, enquanto iam para Marabá. Dilma mandou que a Polícia Federal investigasse - mandar a polícia investigar um crime seria necessário se não houvesse uma lei que obrigue a tanto. Mais justo teria sido o Planalto mandar algum representante para acompanhar as investigações, ao local, como foi feito no assassinato da irmã Dorothy Stang.

No mesmo dia do crime, à noite, a Câmara dos Deputados aprovou o projeto do novo Código Florestal.

Na plenária, o deputado Sarney Filho (PV), leu trechos de uma reportagem que escrevi sobre Zé Cláudio (http://www.viceland.com/blogs/br/2010/10/28/ze-claudio-e-a-majestade/). Zé Cláudio dizia amar a floresta, e queria que suas cinzas fossem enterradas junto da Majestade - a linda e imponente castanheira que ainda está de pé, dentro do seu lote. Muitos no plenário se emocionaram. Alguns choraram. Como eu choro quando releio o texto. Como as lágrimas que estão no teclado enquanto escrevo esse texto.

O assassinato do casal poderia tê-los tornado mártires em defesa da floresta. Mas nesse mesmo dia, os representantes da nação preferiam apontar um caminho diferente para o futuro: aquele onde a floresta, se continuar a existir, não terá importância para os brasileiros. Onde a biodiversidade, que tanto encantava seu Zé Cláudio Ribeiro da Silva e dona Maria do Espírito Santo, corre o risco de ser reduzida a pasto e boi. Num campo marcado de sangue.


Felipe Milanez é jornalista e advogado, mestre em ciência política pela Universidade de Toulouse, França. Foi editor da revista Brasil Indígena, da Funai, e da revista National Geographic Brasil, trabalhos nos quais se especializou em admirar e respeitar o Brasil profundo e multiétnico.

Fale com Felipe Milanez: felipemilanez@terra.com.

Gávea, Ministério Público denuncia dopping na Gávea

"Os casos de doping ocorreram em 2009. Todas as corridas estão registradas em vídeo. Os quatro treinadores são acusados de usar uma substância que, de acordo com a denúncia dos promotores, é proibida pelo código nacional de corridas.


O anti-inflamatório Flunixina teria ajudado a melhorar o desempenho dos animais. Os três cavalos treinados por eles venceram seis páreos realizados entre julho e dezembro.


Os animais acabaram desclassificados quando passaram pelo exame antidoping que o próprio Jockey Club realizou. Segundo o Jockey, os prêmios nem chegaram a ser pagos.


Os treinadores são acusados pelos crimes de formação de quadrilha e tentativa de estelionato.


Segundo o Jockey, três dos quatro treinadores denunciados pelo Ministério Público eram considerados reincidentes em casos de doping e já foram banidos do clube. Desde 2009, eles foram proibidos de trabalhar com cavalos nas dependências do Jockey Club.


Dois dos treinadores negaram as acusações e disseram que não aplicaram as substâncias proibidas. Outros dois não foram encontrados.


O clube informou que toma todas as medidas para garantir a lisura das corridas. E que, neste caso específico, os animais foram desclassificados e os treinadores banidos definitivamente."


Os treinadores acusados são: José Luiz Pedrosa Pereira, Renato José de Figueiredo Nascimento, Edson Ricardo Pereira e Luiz Ricardo Duarte Guedes. E os animais envolvidos no escândalo: Mais que isso (4 vitórias), Famous Fireworker (1 vitória) e Orador Nato (1 vitória).

A redação do programa entrou em contato com os acusados José Luiz Pedrosa e Renato José de Figueiredo Nascimento. Eles negam as acusações e asseguram não ter aplicado a substância nos animais. Os outros dois acusados não foram encontrados.


transcrito do portal G1 (globo.com)

The Cheka vencedora do Timeform Jury Stakes


The Cheka,com T.P. Queally, vencedora do Timeform Jury Stakes - Grupo III - Haydock Park,Inglaterra

Espírito Santo, Polícia prende seis secretários em cidade do Espírito Santo


Polícia prende seis secretários na cidade de Fundão, Espírito Santo


Os secretários de Saúde, Administração, Educação, Turismo, Obras e a chefe da Controladoria do município capixaba de Fundão (Grande Vitória) foram presos nesta sexta-feira.

Eles são acusados de montar um esquema de desvio de verbas e fraudes em licitações. A sede da prefeitura foi interditada.

De acordo com a polícia, cerca de R$ 900 mil eram desviados mensalmente dos royalties de petróleo enviados ao município.

Dois vereadores, Eloísio Rodrigues Fraga (PRB-ES) e Ailson Abreu Ramos (PSC-ES), e dois empresários também foram presos.

"Descobrimos uma série de fraudes, crimes contra a administração pública, licitações e contratos", afirmou o delegado Danilo Bahiense Moreira, superintendente de polícia do interior do ES.

Para realizar a operação, 115 policiais e seis delegados foram até a cidade de 17 mil habitantes.

O prefeito Marcos Fernando Moraes (PDT) e o vice também são investigados. De acordo com o Ministério Público, o órgão ingressou hoje com uma ação de improbidade, pedindo o afastamento dos dois.

Eles serão investigados pelo Núcleo de Repressão a Organizações Criminosas da polícia capixaba.

A Polícia Civil não soube informar quem são os defensores dos presos.

Carazinho, Eliminatórias para o GP RENATO GASPAR GRIGOLETTO

Grande Prêmio RENATO GASPAR GRIGOLETTO

ELIMINATÓRIAS

Dias 27, 28 e 30 de Maio de 2011 – Distância 500 Metros

Nr A N I M A L S P kg F I L I A Ç Ã O C R I A D O R PROPRIETÁRIO C I D A D E TREINADOR JÓQUEI

1º PÁREO: PADOCK: 10:00 – CORRE: 17:00
3 SUPER FÓRMULA F T 42 Blade Prospector Bela Fórmula (Quaech) Haras Ponta Porã Eloi Queje Leones Silveira Faz. Rio Grande J. Vieira L. Alencar
2 SUMMER TALK M C 40 Confidential Talk Dazzling Scarlet (Tecnology) Haras Anderson Zezo Pontarolo Imbituva M. Oliveira A. Lindolfo


2º PÁREO: PADOCK: 10:15 – CORRE: 17:15
2 INDIOVELHODEGUERRA M A 47 Inexplicable Over Swing (Punk) Hs. Ninho das Cobras Hs. Ninho das Cobras Ponta Grossa M. Oliveira A. Lindolfo
4 MARIMBAU M A 40 Fritz Imperceptivel (M. Glory) Fabio L. Waihrich Valmir Baldissera Chapecó C. Cardoso D. Cardoso


3º PÁREO: PADOCK: 10:30 – CORRE: 17:30
5 AJATO FAST M C 40 Fast Fingers Never Done (Punk) Cristian Spagnolo Stud 35 Carazinho T. Cecatto A. Bast
1 PRINCE PATRICK M C 50 Mensageiro Alado Tobrah (Bar Gold) Haras Ereporã Renato G. Grigoletto Canoas L. Bergosa NN

Carazinho hoje tem elimonatórias para o Grande Prêmio RENATO GASPAR GRIGOLETTO

Grande Prêmio RENATO GASPAR GRIGOLETTO

Dias 27, 28 e 30 de Maio de 2011 – Distância 500 Metros
Nr A N I M A L S P kg F I L I A Ç Ã O C R I A D O R PROPRIETÁRIO C I D A D E TREINADOR JÓQUEI

1 PRINCE PATRICK M C 50 Mensageiro Alado Tobrah (Bar Gold) Haras Ereporã Renato G. Grigoletto Canoas L. Bergosa NN
2 INDIOVELHODEGUERRA M A 47 Inexplicable Over Swing (Punk) Hs. Ninho das Cobras Hs. Ninho das Cobras Ponta Grossa M. Oliveira A. Lindolfo
SUMMER TALK M C 40 Confidential Talk Dazzling Scarlet (Tecnology) Haras Anderson Zezo Pontarolo Imbituva M. Oliveira A. Lindolfo
3 SUPER FÓRMULA F T 42 Blade Prospector Bela Fórmula (Quaech) Haras Ponta Porã Eloi Queje Leones Silveira Faz. Rio Grande J. Vieira L. Alencar
4 MARIMBAU M A 40 Fritz Imperceptivel (M. Glory) Fabio L. Waihrich Valmir Baldissera Chapecó C. Cardoso D. Cardoso
5 AJATO FAST M C 40 Fast Fingers Never Done (Punk) Cristian Spagnolo Stud 35 Carazinho T. Cecatto A. Bast
www.canchareta.com
O site dos grandes prêmios

Grande Prêmio JORNAL DO TURFE, começa hoje em Carazinho

JOCKEY CLUB CARAZINHENSE
CARAZINHO - RS

Grande Prêmio JORNAL DO TURFE

Dias 28, 29 e 30 de Maio de 2011 – Distância 500 Metros

Nr. ANIMAL S P Kg FILIAÇÃO CRIADOR PROPRIETÁRIO CIDADE TREINADOR JÓQUEI

1 LOVE FOREVER F A 48 Tiger Heart Mylastlove (Exile King) Haras Santarém Haras Belmont Ltda Curitiba J. Azevedo R. Rodrigues
TABOLT LAKE F A 48 Tiger Heart Estrela do Agreste(Coax Me Clide) Hs. Belmont Ltda Haras Belmont Ltda Curitiba F. Azevedo R. Rodrigues
2 ESFERA BRILLIANT F A 48 Inexplicable Xagaya (Ghadeer) Haras So Brilliant Leones R. Silveira Eloi Queje Faz. Rio Grande J. Vieira R. Valgas
THESIS OF CABARET F C 48 Impression Great Cabaret (M. Tiger) Haras J.G. Eloi Queje Faz. Rio Grande J. Vieira R. Valgas
3 VUELO ALTO M C 52 Christine's Outlaw Quite Good (Roi Normand) Haras Balada Hs. Faz. Capeaty São Borja A. Hoffman A. Malaquias
4 EXCLUSIVE MORE M A 52 More Style Agatah West (M. Mile) Haras So Brilliant Hs. So Brilliant São Borja B. Machado V. Rodrigues
5 RECUPERADA F C 50 Mensageiro Alado Gramada (El Ramiro) Haras Bagé Horse Jorge Ketenhuber Condor C. Almeida A. Dutra
6 TUPASY F C 50 Gregoriano Mine Slew (Minstrel Glory) Haras Ponta Porã Sergio Hoffman Caxias do Sul R.P. Silva A. Lindolfo

Gávea, 28/05, Indicações de Celso Afonso

Destinada a éguas de dois anos e mais idade, a Prova Especial Joiosa promove um espetacular embate de gerações. As potrancas mais novas, ainda aprendendo a correr, levam grande vantagem no peso para enfrentar as mais maduras. Nesta edição 2011, o páreo, quinto do programa, parece bastante equilibrado e reúne oito concorrentes em 1.000 metros, na pista de grama.

Na foto ao lado, a vitória de Aracélia na Prova Especial Joiosa em 2010, que foi corrida em 1.200 metros na areia.

Hoje na Gávea 11 páreos serão disputados, com o primeiro marcado para as 13h45. O Pick 7 começa na quinta prova e o Open Betting, com R$10.000,00 de bonificação, na nona da reunião.

Já em Cidade Jardim, dez carreiras estão agendadas, incluindo a PE José Eugênio de Rezende Barbosa.

Abaixo as indicações e boa sorte!



1° Páreo: Após boa estréia, Vocabulário volta mais bem preparado e pode emplacar sua primeira vitória. Fogo de Chão promete boa exibição e fica como segundo nome do páreo. Tamarisk, depois.

VOCABULÁRIO (5) – FOGO DE CHÃO (2) – TAMARISK (4)



2° Páreo: Olympic Clack tem boa raça, conta com a eficiência do Haras Regina e tem destaque na segunda carreira. Já com segundo na turma, Top Indy não deve ficar fora do Pick 3. Fair Class, partindo pelo menor caminho, também merece atenção especial.

OLYMPIC CLACK (5) – TOP INDY (6) – FAIR CLASS (1)



3° Páreo: Outra potranca com excelente filiação para o percurso, Tina Scarlett encara companhia que não assusta e é capaz de passar na frente logo na estréia. Fast Golden mostrou velocidade, volta mais aguerrida e é a rival a ser batida. Quarta Sem Lei, filha do Amigoni, a seguir.

TINA SCARLETT (4) – FAST GOLDEN (7) – QUARTA SEM LEI (2)



4° Páreo: Imperador Voltou e Unshamed formam parelha fortíssima e podem marcar ponto para o Stud Alvarenga. Levando grande vantagem no peso, Tell It To, que também conta com o reforço de seu faixa, fica como alternativa aos prováveis favoritos. Talk Back tem qualidade para brigar pelas primeiras posições.

IMPERADOR VOLTOU (3) – UNSHAMED (2) – TELL IL TO (4)



5° Páreo: Carreira duríssima, onde, Pera Manca traz bom retrospecto de São Paulo e tem destaque. Única Gaúcha corre bem em qualquer raia e promete endurecer a parada. Vagareza Queen, que mostrou qualidade na estréia, e Urban Girl, em evolução, ameaçam.

PERA MANCA (3) – ÚNICA GAÚCHA (2) – VAGAREZA QUEEN (4)



6° Páreo: Soy American vem de segundo na Copa Leilões, volta no perdedor e dificilmente deixará a vitória escapar. Já maduro no páreo, Future Love é o principal adversário do filho de First American. Dos estreantes, Ultramegapower pinta como boa opção.

SOY AMERICAN (6) – FUTURE LOVE (11) – ULTRAMEGAPOWER (9)



7° Páreo: Power Dream, que estreou vencendo em Cidade Jardim, e Mulata do Di, que tentou cartada contra os machos na última, parecem bem colocadas na prova e devem decidir. Das demais, Magic Carolina, com vitória na pista.

POWER DREAM (3) – MULATA DO DI (4) – MAGIC CAROLINA (5)



8° Páreo: Fiction Of Man venceu, convenceu e sobe de turma com chance. Com três vitórias neste páreo, Pegadora não deve ficar fora do jogo. Pérola da Pituba está sempre na pedra, deve ter ritmo favorável para sua atropelada e não será surpresa se emplacar novamente.

FICTION OF MAN (1) – PEGADORA (2) – PÉROLA DA PITUBA (5)



9° Páreo: Retrospecto do páreo, Linda Victoria é a égua a ser batida no início do Open Betting. Chiquement já encarou provas mais fortes, volta na conta, com L1 e é azar dos mais viáveis. True Blue e Economie são outras combinações bem gastas. Prova perigosa!

LINDA VICTORIA (2) – CHIQUEMENT (3) – TRUE BLEU (9)



10° Páreo: Grape Marjori chegou perto em páreo forte, volta no claiming e, estando bem, deve vencer. Sempre aguardado, Consolidant qualquer hora estoura com rateio alto. Unno Bello, no claiming pela primeira vez, a seguir.

GRAPE MARJORI (2) – CONSOLIDANT (1) – UNNO BELLO (10)



11º Páreo: Mais do que encabulado na turma, Adriano Imperador tem nova oportunidade para vencer a primeira. Senador correu páreos mais fortes e, aqui, pode formar a dupla. Head Piece, mais aguerrido, e Night Runner, vindo de ótima corrida, são as outras forças no fecha da reunião.

ADRIANO IMPERADOR (12) – SENADOR (7) – HEAD PIECE (10)



Por Celson Afonso

Gávea, 28/05, Indicações de Thiago Fernandes

Com início marcado para as 13 horas e 45 minutos, onze provas serão realizadas na reunião de hoje no Hipódromo da Gávea. O destaque fica por conta do quinto páreo, a Prova Especial Joiosa, para éguas de 2 anos e mais idade, em 1.000 metros, pista de grama pesada.

Prova das mais equilibradas, onde diversas concorrentes surgem com semelhante de vitória, ficaremos com a indicação de Pera Manca (Grand Slam), criação e propriedade do Haras Old Friends Ltda, que vinha atuando contra ótimos velocistas em Cidade Jardim e pode levar a melhor somente entre as fêmeas por aqui. Apresentação fica por conta de S.Lobo e M.Cardoso estará no comando das rédeas.

Vagareza Queen (Dodge), criação e propriedade do Haras Anderson, mostrou grande velocidade inicial e ótima categoria na estréia, vencendo disparada de ponta a ponta, volta em prova mais encorpada, porém levando enorme vantagem de peso de suas principais adversárias, podendo surpreender. Urban Girl (Put It Back), em evolução, e Unica Gaúcha (Dodge), sempre por perto, também devem ser respeitadas.

O simulcasting com o Hipódromo de Cidade Jardim (dez páreos), terá início às 14 horas e 30 minutos.

A seguir, comentários e indicações. Boa sorte!

1º Páreo – Vocabulário deu ótima demonstração na estréia, quando, mesmo aparentando estar um pouco acima do peso, brigou muito na primeira parte do percurso e ainda formou a dupla. Hoje, mais aguerrido, leva o nosso voto. Fogo de Chão, reaparecendo, fica com a dupla. A seguir, Finland.

2º Páreo – As estreantes Fair Class e Olympic Clack, ambas com boa raça, podem decidir a prova. No fator balizamento, ficamos com a ordem. Zart, já corrida, vem melhorando a cada atuação e deve ser respeitada.

3º Páreo – Tina Scarlett, irmã materna de bons ganhadores, pode levar a melhor logo em sua estréia. As já corridas Lemondrop, largando por dentro, e Fast Golden, por fora de todas, são rivais da nossa indicada.

4º Páreo – Imperador Voltou, potro de ótima categoria, apesar de estar reaparecendo e dando boa vantagem de peso para o Tell It To, animal de boa categoria e que rende bem no gramado, leva nosso voto. Talk Back, reaparecendo, também pode entrar na disputa pelas principais posições.

6º Páreo – Soy American, vindo de segundo para o Joe Diesel, e Future Love, já maduro na companhia, devem decidir a prova. Vale a ordem. Famous Nick, mais aguerrido, deve cumprir boa atuação. A seguir, Open Door e Viento Del Sur.

7º Páreo – Power Dream estreou com vitória em Cidade Jardim e pode seguir invicta atuando por aqui. Mulata do Di e Magic Carolina surgem como as principais rivais da nossa indicada.

8º Páreo – Fiction Of Man, de lasix pela primeira vez e bem balizada, pode levar a melhor. Várias potrancas podem ameaçar a nossa indicada e surgem com chance semelhante, entre elas, Pegadora, contando com boa descarga. Embattle, que era favorita na última nessa prova, e Pérola da Pituba, vinda ao claiming, a seguir.

9º Páreo – Linda Victoria venceu prova semelhante e pode repetir perfeitamente. Sexy Hot, ligeira e bem balizada, volta de lasix pela primeira vez e surge como opção de melhor rateio para dupla. True Bleu, a seguir.

10º Páreo – Vindo de cumprir destacada atuação em prova mais encorpada, Grape Marjori pode levar a melhor nesse claiming. Unno Bello vem de vitória na turma e fica com a dupla. Cassino Verde surge como terceiro nome.

11º Páreo – Porto Príncipe pode superar a baliza e levar a melhor na prova que encerra a reunião com bom rateio. Adriano Imperador, maduro na turma, fica com a formação da dupla. Night Runner e Senador, a seguir.

Indicações:

1º Páreo: Vocabulário (5) – Fogo de Chão (2) – Finland (6)
2 º Páreo: Fair Class (1) – Olympic Clack (5) – Zart (7)
3 º Páreo: Tina Scarlett (4) – Lemondrop (1) – Fast Golden (7)
4 º Páreo: Imperador Voltou (3) – Tell It To (4) – Talk Back (7)
5 º Páreo: Pera Manca (3) – Vagareza Queen (4) – Urban Girl (6)
6 º Páreo: Soy American (6) – Future Love (11) – Famous Nick (4)
7 º Páreo: Power Dream (3) – Magic Carolina (5) – Mulata do Di (4)
8 º Páreo: Fiction Of Man (1) – Pegadora (2) – Embattle (4)
9 º Páreo: Linda Victoria (2) – Sexy Hot (1) – True Bleu (9)
10 º Páreo: Grape Marjori (2) – Unno Bello (10) – Cassino Verde (4)
11 º Páreo: Porto Príncipe (14) – Adriano Imperador (12) – Night Runner (1)

por Thiago Fernandes

Leilão Valeu Boi será dia 31/05

Cidade Jardim, 28/05, Indicações de Ivan Jeronimo

Em Cidade Jardim, destaque para PE no quilômetro

Neste Sábado, o Jockey Club de São Paulo irá promover uma jornada com 10 páreos, a partir das 14 horas e 30 minutos, com destaque para a Prova Especial José Eugênio de Rezende Barbosa, na quinta carreira, em 1.000 metros na grama, para produtos de 2 e mais anos.

Camarim (Romarin), possuidor de 3 vitórias, sendo uma na grama, de criação e propriedade do Haras Interlagos Ltda, aparece como força por aqui. Deslocando 60kg, com A.L.Silva, pela pedra 1, deverá sair acompanhando de perto seu maior rival, o potro Zee Real (Music Prospector) Haras Pirassuninga/Stud Lecce, que venceu em sua estréia e terá apenas 51kg de Antonio Mesquita em seu dorso, e no final, conseguir sua primeira vitória em prova do calendário clássico. King Of Queens (A Good Reason), Haras Uberlândia, aparece como terceiro nome da carreira.

O simulcasting com a Gávea começa às 13 horas e 45 minutos.

A seguir, comentários e indicações. Boa sorte!

1º Páreo: Aparentemente Piet The Pot apresenta boa chance de abandonar o perdedor e aparece como "chave" do Pick 3 inicial. O filho de Dubai Dust, terá como distante adversário Impossível Perder, que reaparece de longa ausência, porém é levado em boa conta. Cabeção a seguir.

2º Páreo: O equilíbrio toma conta desta segunda prova. Dez Quilates, que tem corrido pouco, pode se "redimir" por aqui. Xelato, que na última tentou cartada "indigesta", está melhor colocado no campo da prova. Nico Boy vem de vencer com muita facilidade. Na areia, Royal Comet.

3º Páreo: Top Brass (Red Runner) surge como uma das boas opções de crava da tarde. Un Outlaw (Christine’s Outlaw), irmão da "fera" Uareoutlaw, que atuou com bastante realce em sua estréia, surge como sério rival. Angel Game (Music Prospector) tem bons partidários.

4º Páreo: O castanho Sweatshirt, correu na distância que em nossa opinião, o agradará porém, em pista de grama. Desta feita desferrado, provavelmente dará outro ponto ao Stud Barreiro, mas que se cuide com Charonah, com certezá dará trabalho. Aégeon e Pineapple Juice disputam a trifeta. Na areia, Abandalhado.

6º Páreo: Páreo onde reúne potros de 2 anos. A estréia de Vou Pensar (Wild Event) agradou em cheio, vencendo muito bem no Tarumã em uma boa marca. Dinamite Pura (Holzmeister) perdeu carreira de "cinema". Fabergér (Crimson Tide) e Nocaute Dancer (Fantastic Dancer) completam a quadrifeta.

7º Páreo: Páreo desdobrado e bem mais equilibrado que o anterior. Garden Keeper (Crimson Tide) chegou "colado" em Dinamite Pura, força da 6ª Prova. Ainda conta com a descarga de 2 kg e poderá levar a melhor por aqui. Guarda Le Stelle (Public Purse) sempre muito amparado, apagou a má impressão deixada na estréia, além de ter sua raça mais voltada para o "tapete". Ferragamo (Sulamani) também aparece com possibilidades. Hamilton da Serra (Yagli) teve corrida contrária na última. Na areia, Guarda le Stelle.

8º Páreo: Que Espetáculo (Northern Afleet) teve uma estréia excelente, porém conturbada no primeiro páreo da nova geração. Parou para reparos e aparece como uma das prováveis "cravas" do Pick 3 Final. Prospect Park (True Confidence) correu com Berlino di Tiger, chegando a apenas um corpo do segundo colocado. Os estreantes Zaratrusta (Sulamani) e Xaixá (Thunder Gulch) filho da velocista Xábega, aparecem com bons predicados.

9º Páreo: Reaparecendo de um período superior há 1 ano, mas com peso "pluma" Dip Lick poderá dar as caras por aqui e vencer com pule alta, mas com certeza terá em Mia Roma sua principal adversária, que também volta de reparos. Em um eventual fracasso das duas, prontamente surge Barbada do Urubú, que vem de excelente atuação e segue como "Top Weight". Depois, Volta Olímpica. Na areia, Formosura Indy.

10º Páreo: My Destiny, desta feita de L1, potranca que já "roçou pêlo" com a vencedora do OSAF 2011, Grand I Ask, pode fechar a reunião com uma pule elevada. Valsinha e Ilha da Magia correm muito e também darão as caras por aqui, principalmente a primeira, que deslocará apenas 52kgs. Cuidado tembém com Ferrari e Feature, que chegarão na briga. Na areia, Ferrari.

Indicações: (pista programada)

1º Páreo: Piet The Pot (1) – Impossível Perder (3) – Cabeção (2)
2º Páreo: Dez Quilates (7) – Xelado (3) – Nico Boy (5)
3º Páreo: Top Brass (2) – Un Outlaw (4) – Angel Game (3)
4º Páreo: Sweatshirt (5) – Charonah (6) – Pineapple Juice (2)
5º Páreo: Camarin (1) – Zee Real (2) – King of Queens (4)
6º Páreo: Vou Pensar (9) – Dinamite Pura (5) – Fabergér (4)
7º Páreo: Garden Keeper (6) – Guarda Le Stelle (7) – Ferragamo (5)
8º Páreo: Que Espetáculo (1) – Prospect Park (7) – Xainxá (6)
9º Páreo: Dip Lick (6) – Mia Roma (4) – Barbada do Urubu (1)
10º Páreo: My Destiny (2) – Valsinha (5) – Ilha da Magia (7)

Indicações: (mudança de pista)

1º Páreo: Piet The Pot (1) – Curupira (5) – Korinne (6)
2º Páreo: Royal Comet (4) – Dez Quilates (7) – Xelado (3)
3º Páreo: Top Brass (2) – Un Outlaw (4) – Angel Game (3)
4º Páreo: Abandalhado (4) – Aégeon (7) – Sweatshirt (5)
5º Páreo: Camarin (1) – Zee Real (2) – King of Queens (4)
6º Páreo: Vou Pensar (9) – Dinamite Pura (5) – Conduta de Honra (1)
7º Páreo: Guarda Le Stelle (7) – Ferragamo (5) – Lambariaçú (9)
8º Páreo: Que Espetáculo (1) – Prospect Park (7) – Fúria (8)
9º Páreo: Formosura Indy (9) – Barbada do Urubu (1) – Mary Lou (8)
10º Páreo: Ferrari (3) – Ilha da Magia (7) – Feature (9)

por Ivan Jeronimo

Documentos da ditadura viram "memória do mundo"

Os documentos oficiais sobre a ditadura militar brasileira (1964-1985) foram considerados hoje como "memória do mundo", um programa da Unesco –semelhante ao que identifica edificações e locais classificados como patrimônio da humanidade.

Essa decisão da Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) visa a proteger todos os papeis e arquivos produzidos pelo governo brasileiro, em todos os seus níveis, sobre a ditadura militar. Foram incluídos na lista, entre outros, os documentos já disponíveis no Arquivo Nacional (nível federal) e os do Arquivo Público do Estado de São Paulo.

No seu comunicado oficial ontem (25.mai.2011) a Unesco diz que estão relacionados os papeis da "rede de informação e contrainformação do regime militar" brasileiro.

O processo que resultou na decisão da Unesco levou cerca de dois anos para ser concluído. O próprio governo brasileiro fez o requerimento da inclusão dos arquivos da ditadura militar na categoria de memória do mundo.

Há dois aspectos intrigantes nessa notícia.

Primeiro, que até hoje não se sabe exatamente se todos os arquivos da ditadura militar foram de verdadeiramente revelados.

Segundo, o fato de o Brasil não ter até hoje uma lei de direito de acesso a informações públicas. Embora seja necessário reconhecer que existiu nos últimos anos um esforço de alguns setores dos governos federais e de vários estaduais para resgatar a memória do período de 1964 a 1985.

O projeto de Lei de Acesso está empacado no Senado. Ontem (25.mai.2011), uma manobra regimental do presidente da Casa, José Sarney (PMSD-AP), impediu mais uma vez o texto de ser votado.

Para que a Lei de Acesso seja aprovada é preciso uma decisão do Palácio do Planalto: priorizar as ações de sua base de apoio. A atual crise política envolvendo o ministro da Casa Civil, Antonio Palocci, fez com que esse tema ficasse em segundo plano.

JCB homenageia engenheiros do turfe

Neste fim de semana, com a realização do Criterium de potros e potrancas, 2ª Etapa da Copa dos 2 anos, o Jockey prestará uma justa homenagem a duas importantes personalidades na história do turfe. Serão disputados no domingo os GPs Francisco Villela de Paula Machado e Conde de Herzberg (foto), ambas prova de Grupo 2 a serem corridas no quinto e sexto páreo, respectivamente.

A história dos Paula Machado entrelaça com a do turfe. Basta citar que a fazenda São José, em Rio Claro, foi fundada em 1839. Médico renomado, Francisco Villela de Paula Machado, proprietário da Fazenda São José, fundada em 1839, foi motivado pelo filho, Linneo, a fundar um haras. Em 1906, a paixão pelo turfe, motivou Villela a dar início ao Haras São José, em Rio Claro.

Tempos depois, enquanto Linneo selecionava éguas e garanhões para seu plantel, Francisco cuidava dos procedimentos para construção do haras. Nascia ali a história de uma das coudelarias mais vitoriosas do turfe brasileiro, além de registrar também o nome na criação. No entanto, o apaixonado pelo esporte dos reis, Francisco Villela não pode ver a inauguração do Hipódromo da Gávea, visto que veio a falecer 14 anos antes de seu filho Linneo realizar o feito. Porém seu nome ficou marcado na trajetória do turfe.

Conde Carlos de Herzberg também teve uma passagem bastante significativa no turfe fluminense. Ele foi fundador e benemérito do Jockey Club em 1874, e uma ativista na trajetória do esporte dos reis. Herzberg , capitão reformado do exército prussiano, nasceu em Grunhubel, Hannover, na Alemanha. Responsável por quase todas as obras da pista do pioneiro Prado Fluminense, em São Francisco Xavier, Conde de Herzberg foi o redator do primeiro Código de Corridas.

O alemão também foi proprietário de cavalos e por volta de 1850, casou-se com Leopoldina, que vinha ser filha de Major Suckow, outro nome grifado com letras garrafais na trajetória turfística. É uma justa homenagem a nomes que fizeram o turfe acontecer, por toda dedicação e empenho em prol do esporte dos reis.

por Danielle Franca -

Líder sem-terra é assassinado a tiros em Rondônia porque denunciava a ação de madeireiros na região da divisa entre Acre, Amazonas e Rondônia


Líder sem-terra é assassinado a tiros em Rondônia

O agricultor Adelino Ramos, líder do MCC (Movimento Camponês Corumbiara), considerado um dos movimentos sociais agrários mais radicais do país, foi morto a tiros na manhã desta sexta-feira (27) em Vista Alegre do Abunã, distrito de Porto Velho.

Segundo a CPT (Comissão Pastoral da Terra), ele informou à Ouvidoria Agrária Nacional, em 2009, que sofria ameaças de morte porque denunciava a ação de madeireiros na região da divisa entre Acre, Amazonas e Rondônia.

De acordo com informações da Polícia Civil de Rondônia, o agricultor foi morto a tiros por um motociclista enquanto vendia verduras produzidas no acampamento onde vivia. O crime ocorreu por volta das 10h.

Nenhum suspeito foi preso até o momento.

Adelino era um dos sobreviventes do massacre de Corumbiara, em 1995, que ocorreu durante a desocupação da fazenda Santa Elina. Morreram no conflito dez sem-terra que estavam acampados na fazenda e dois policiais militares.

Jockey Club de Campos , Terreno do Jockey Club de Campos é arrematado em leilão

Terreno do Jockey Club de Campos é arrematado em leilão

Devido a dívidas previdenciárias (INSS) o terreno do Jockey Club de Campos foi levado a leilão e arrematado na semana passada, num ação promovida pela Justiça Federal .

As dívidas previdenciárias do JCC, que ensejaram o leilão, são inferiores ao valor do lance vencedor, que foi de R$ 4.550.000,00.

Os vencedores do leilão, um grupo de empresários Campistas, pretendem empreender um projeto imobiliário no local. A disputa pelo lance vencedor teve a participação de outras empresas incorporadoras.

Há rumores de que a área do hipódromo seria tombada.

Desde que assumiu o mandato, em outubro de 2010, Octávio Jose Ferreira da Silva, atual presidente, vinha tentando, além de retomar a realização das corridas, o cancelamento e postergação de outros leilões, e estava conseguindo com algum sucesso, entretanto, na semana passada, acabou sendo definitivamente marcado e efetivado o leilão.

O presidente Tatá visa, agora, diante de algumas alternativas jurídicas, reverter a situação , mas advogados especializados entendem que a situação é bastante delicada.

Conforme nota publicada hoje no Jornal O Globo, pag. 28, o Jockey Club de Campos chegou a ser o terceiro hipódromo do Brasil em movimento de apostas.

O Raia Leve e toda a Comunidade turfística torcem pela reversão desse quadro.

fonte - Raia Leve

Leilão Virtual Caruana Futurity Champions

AQUEDUCT TRIPLE DEAD HEAT FOR WIN HORSE RACING



AQUEDUCT TRIPLE DEAD HEAT FOR WIN HORSE RACING

Tolu é a atração da Mesa do Turfe deste sábado

Com 7 animais inscritos, sendo dois estreantes, o treinador Antônio Luis Cintra, o "Tolu", é o convidado do programa Mesa do Turfe deste sábado.

Em tarde de Pick 8 com R$ 90.000,00 e Betting 5 com R$ 245.000,00 de bonificação, a presença do líder da estatística da temporada 2010/2011, analisando as chances de seus pupilos, será de extrema importância para o público apostador.

Tolu irá discorrer também sobre os 5 animais que tem inscritos para a programação de domingo.

A Mesa do Turfe, com apresentação de Jair Balla e comentários de Renato Barros e Lucas Meneses, é levada ao ar, ao vivo, aos sábados e domingos, a partir das 12:45 hs, pelo canal 13 da Net Digital e parabólicas.

Não perca !

JCSP

Ricardinho fatura quatro páreos em San Isidro

Ricardinho fatura quatro páreos em San Isidro

O jóquei Jorge Ricardo, recordista sulamericano de vitórias e ídolo do turfe brasileiro, segue em sua sequência de conquistas na Argentina. Na reunião realizada na ultima quarta-feira, no Hipódromo de San Isidro, Ricardinho arrematou quatro vitórias.

Começando no segundo páreo, Ricardo cruzou o disco em primeiro com Merkel, do Stud El Catorce, assinalando 1m42s33 em 1.600 metros, grama. Depois no 11º com Compact Flash, do Stud Zualei, que assinalou 1m36s12 na milha da areia. Logo no páreo seguinte foi à vez de Aitor Nut, do Stud San Felipe, passar na frente. Este páreo foi disputado em 1.100 metros, areia, onde o tempo foi de 1,04s43. E encerrando a programação vitoriosa, Ricardinho obteve sucesso com Perseverante Soy, do Stud Parapokos, no páreo 16º páreo, em 1.100 metros, areia, assinalando 1m05s9.

Vale citar que na mesma reunião, o corredor do Haras Sant Maria de Araras, Vitaminado, pilotado por Juan Carlos Noriega, venceu o Gran Premio 25 de Mayo (G1).

No ranking mundial de pilotos, Ricardo está agora com 11.142 vitórias, ocupando a segunda colocação. Já o líder, o canadense Russell Baze está com 11.273 conquistas.



por Danielle Franca

sexta-feira, 27 de maio de 2011

C&A é condenada por câmera escondida instalada em banheiro de funcionárias

C&A é condenada por câmera escondida instalada em banheiro de funcionárias

A Justiça do Trabalho do Rio Grande do Sul condenou a rede de lojas C&A a pagar indenização de R$ 30 mil a uma ex-supervisora que foi filmada por uma câmera escondida instalada no banheiro feminino. O equipamento de gravação foi colocado no local —que também era utilizado como vestiário— por um gerente e um supervisor da loja, que espiavam a troca de roupa das funcionárias.

As filmagens na loja da C&A no Shopping Praia de Belas foram descobertas em 2003. O caso foi investigado MPT (Ministério Público do Trabalho) e terminou com a demissão do gerente. Depois disso, várias empregadas da loja entram com ação de danos morais na Justiça, alegando terem sido vítimas das gravações.

http://ultimainstancia.uol.com.br

Ratko Mladic,símbolo da limpeza étnica, lideou a maior atrocidade na Europa desde a segunda guerra.

Símbolo da limpeza étnica, Mladic liderou maior atrocidade na Europa desde Segunda Guerra

O general Ratko Mladic foi chefe do Exército sérvio-bósnio durante a guerra da Bósnia (1992 a 1995), homem responsabilizado por muitos pelas mais graves atrocidades cometidas no conflito.

Ao lado do líder político sérvio-bósnio Radovan Karadzic, ele passou a simbolizar a campanha de "limpeza étnica" contra croatas e muçulmanos.

Ele se tornou um dos homens mais procurados do mundo, e o fato de ter permanecido foragido por mais de uma década, se tornou uma fonte de constrangimento para a Sérvia - e o maior ponto nevrálgico na relação do país com o Ocidente.

Mladic foi indiciado pelo Tribunal de Crimes de Guerra da ONU com acusações de genocídio e outros crimes contra a humanidade - incluindo o massacre de ao menos 7.500 homens e meninos muçulmanos na cidade de Srebrenica, em 1995.

Depois de viver em liberdade por algum tempo, Mladic desapareceu quando o ex-presidente Iugoslavo Slobodan Milosevic foi preso, em 2001.

Em outubro de 2004, ex-aliados do general Mladic começaram a se entregar ao tribunal de crimes de guerra, à medida que aumentava a pressão internacional sobre Belgrado por cooperação na caçada a responsáveis por atrocidades na guerra da Bósnia.

Entre eles estavam Radivoje Miletic e Milan Gvero, ambos acusados de envolvimento na chamada limpeza étnica.
A especulação aumentou sobre uma prisão iminente de Mladic após Radovan Karadzic ter sido preso em Belgrado, em julho de 2008.

Comandante
Mladic nasceu na Bósnia, no vilarejo de Kalinovik, em 1942. Ele cresceu na Iugoslávia sob o regime de Tito, e se tornou um oficial do Exército do Povo Iugoslavo. Quando o país começou a se desintegrar em 1991, ele foi enviado para liderar a 9ª Corporação do Exército Iugoslavo contra as forças croatas, em Knin.

Mais tarde, assumiu o comando do Segundo Distrito Militar do Exército Iugoslavo, baseado em Sarajevo.
Em maio de 1992, a Assembléia Sérvio-Bósnia votou pela criação de um exército sérvio-bósnio, nomeando Mladic como seu comandante.

Ele era considerado um dos principais artífices do cerco a Sarajevo, e, em 1995, liderou a matança promovida pelas forças sérvias em Srebrenica - a maior atrocidade cometida na Europa desde a Segunda Guerra.

Forças sérvio-bósnias cercaram o enclave de Srebrenica, onde dezenas de milhares de civis - na maiorioa muçulmanos - tinham buscado refúgio de outras ofensivas sérvias no nordeste da Bósnia. O enclave estava sob proteção de forças da ONU.

As forças sérvias bombardearam Srebrenica por cinco dias, antes de as forças de Mladic entrarem na cidade, acompanhadas de equipes de filmagem sérvias.

No dia seguinte, ônibus chegaram para levar mulheres e crianças que se escondiam em Srebrenica a território muçulmano, enquanto sérvios separavam todos os meninos e homens muçulmanos - com idades entre 12 e 77 anos - "para interrogatório por suspeitas de crimes de guerra".

Nos cinco dias após a entrada das forças sérvias em Srebrenica, ao menos 7.500 homens e meninos muçulmanos foram assassinados.

Após o fim da guerra da Bósnia, Mladic voltou a Belgrado, onde gozava de apoio e proteção de Milosevic.

Escondido
Ele vivia abertamente na cidade - visitando locais públicos, comendo em restaurantes caros e até participando de jogos de futebol. Até a prisão de Milosevic.

Alguns relatos dão conta de que ele buscou refúgio em seu bunker em Han Pijesak, não muito longe de Saravejo, ou em Montenegro.

Outros dizem que ele permanecer em Belgrado ou nos seus arredores. A ex-promotora do Tribunal de Crimes de Guerra Carla del Ponte afirmou que ele e Karadzic estavam na cidade em fevereiro de 2004.

Ele teria problemas de saúde. Em abril de 2005, o chanceler sérvio Vuk Draskovic disse que agentes de segurança sérvios conheciam o paradeiro de Mladic. O chefe do serviço de inteligência sérvio descreveu as acusações então como "ridículas

Carazinho tem GP neste final de semana

JOCKEY CLUB CARAZINHENSE
GP Homenagem a GASPAR GRIGOLETO DOS SANTOS
DIAS 28 e 30 de MAIO DE 2011
JUNTO AO LEILÃO HARAS PONTA PORÃ e CONVIDADOS
DISTÂNCIA: 500m
INSCRIÇÃO: R$ 3.000,00 - LANCE: R$ 3.000,00
TREINADORES 4% do jogo do seu animal + Bônus de R$ 1.000,00 por Nr. Confirmado

ANIMAL PESO PROPRIETÁRIO CIDADE
Summer Talk 45 Zezo Pontarolo Imbituva
Nativo Trevi 44 Marcelo/Zezo/Rubinho Imbituva
Indiovelhodeguerra 47 Nando/ Zezo Imbituva
Jet Express 52 Ivo Batista S. L. Gonzaga
Fast Mile 50 Cristian Spagnolo Jaguari
Prince Patrick 50 Gaspar Mota Canoas
Mega Race 40 Leonel Silva Santa Maria
Viejo Pancho 42 Haras Nijú S. J. do Ouro
Vitória Suprema 42 Haras Nijú S. J. do Ouro
Atadinho 42 Haras Nijú S. J. do ouro
Super Formula 42 Eloi Queje Tres Barras
Marimbau 40 Valmir Baldissera Chapeco
Ajato Fast 40 Stud 35 Carazinho
Point One 40 Osni Fraga Ituporanga
Yellow Leg 40 Osni Fraga Ituporanga
Riang Kotang 40 Hotony Braga Santo Angelo
Snow Mile 40 Anilo Gobbi Ibirubá
Itaybaté 40 Stud Romeu Minelo Giruá
Issey Champ 40 Stud Rio Bonito Bocaina do Sul
Solicitação 40 Stud Rio Bonito Bocaina do Sul
Vuelo Alto 45 Haras Faz. Capeaty São Borja
Veludo Real 40 Evandro Bordgnhon Carazinho
Real Moment 47 Haras Scolaro Passo Fundo
Quero Duchtmann 40 .. Araranguá
Mensageiro 40 .. Vacaria
Bela de Aço 38 .. São Jerônimo
Comando Box 38 Stud Sem Terra Lages
Indio Guerreiro 40 Nenezinho São Jeronimo
Faisca 45 Celso Bier Cascavel
Cerize Noira 40 Zozimo Novo Hamburgo
Harmonia do Má 40 Zozimo Novo Hamburgo
Jóia do Mig 40 Afonso Acauan Porto Alegre
Rockete Alado 40 José P. Scorsatto São Gabriel
Full Spring 38 Jorge Sobrosa Alegrete
Chevallier 47 Stud Mandrake Curitiba
Inspetor do Birigui 40 Stud Tom Zé São Paulo
A comissão de corridas reserva-se no direito de qualquer mudança nos pesos, caso necessário;
Demais interessados solicitar peso aos organizadores.
Frete por conta do proprietário.
Permitido o uso de agarradeiras nos posteriores.

Informações: Binha – (55) 99838675 – Rosalino – 54.9614.4555

Nhoque tem presença garantida na Copa dos Criadores ABCPCC

Satisfeitos com a atuação de Nhoque (Giant Gentleman) no Grande Prêmio São Paulo Shopping Cidade Jardim (gr.I) , a equipe técnica comandada pelo treinador Nilson Lima decidiu anotá-lo na disputa do G.P.ABCPCC - Mathias Machline (gr.I), a Copa dos Criadores ABCPCC, a ser corrida em 25 de junho, nos 2.000 metros da pista de grama do Hipódromo Paulistano.

Embora tenha finalizado descolocado - em 8º, mas a apenas 6 3/4 corpos do 1º - o crioulo da Agropastoril Haras São Luiz Ltda, que defende as sedas do Stud Embalagem, desempenhou um bom papel, correndo contra os principais animais em atividade no turfe brasileiro, fato que motivou esta próxima inscrição.

FONTE -JCSP

Tarumã, programa para 03.06.2011

A Comissão de Turfe divulgou, na tarde de hoje, o Programa Branco para as corridas do dia 3 de Junho. A programação conta com nove páreos, sendo que no sexto será realizado o Clássico “Criadores”, com seis animais inscritos. As montarias devem ser divulgadas até amanhã.

Confira, abaixo, o Programa Branco:

1º PÁREO - 1.100 METROS
R$ 1.700,00 - 510,00 - 340,00 - 170,00 - 85,00
ÀS 16:45h - (T-01) - TRIFETA
PICK 3 INICIAL
1 - FRODO - 1-55
2 - GOOD TIGER - 2-55
3 - LANCE GENIAL - 3-55
4 - CANNONBALL - 4-55
5 - HIVER (P1) - 5-55
6 - ELIMINADOR BOY (P1) - 6-55

2º PÁREO - 1.100 METROS
R$ 1.700,00 - 510,00 - 340,00 - 170,00 - 85,00
ÀS 17:15h - (T-01A) - TRIFETA - QUADRIFETA
PICK 3 INICIAL
1 - VITORIOSAMENTE - 1-55
2 - BLACK PALOMA (P1) - 2-55
3 - OPULENSE - 3-55
4 - LUCKY HEART - 4-55
5 - LADY GRACE (P1) - 5-55
6 - NARQUILLE - 6-55
7 - AYUMI - 7-55
8 - DÁ-LHE REQUEBRA - 8-55
9 - ESPANAVE BOY - 9-55

3º PÁREO - 1.100 METROS
R$ 1.700,00 - 510,00 - 340,00 - 170,00 - 85,00
ÀS 17:45h - (CLAIM. CAT. “E”) - TRIFETA
PICK 7 - BIG EXATA
1 - LINHA DOIS (P1) - 1-53
2 - CHARLES BARKLEY - 2-55
3 - CRAZY LIFE - 3-53
4 - LINDA LOIRA - 4-52
5 - NASHVILLE BIRD - 5-53
6 - TROMBADOR - 6-55
1= 6.000,00 2= 6.000,00 3= 6.000,00
4= 5.000,00 5= 6.000,00 6= 6.000,00

4º PÁREO - 1.300 METROS
R$ 1.700,00 - 510,00 - 340,00 - 170,00 - 85,00
ÀS 18h20 - (T-01) - TRIFETA
BIG EXATA - 2º PICK 3
1 - BUN DI BUN NA (P1) - 1-55
2 - GARIB - 2-55
3 - WELL ROUGE - 3-55
4 - ATIVO FINANCEIRO - 4-55
5 - TAITITU - 5-55
6 - NOBRE DO PAMPA - 6-55

5º PÁREO - 1.300 METROS
R$ 1.700,00 - 510,00 - 340,00 - 170,00 - 85,00
ÀS 18h50 - (T-12) - TRIFETA
2º PICK 3
1 - URIBIA - 1-52
2 - DÁ-LHE SANTARÉM - 2-59
3 - EL NEGRO - 3-52
4 - VOGANTE - 4-57
5 - JOBI - 5-59

6º PÁREO - 1.600 METROS
R$ 10.000,00 - 3.000,00 - 2.000,00 - 1.000,00 - 500,00
ÀS 19:20h - TRIFETA
CLÁSSICO “CRIADORES” (L)
1 - CORONADO RUNNER (P1) - 1-55
2 - FLEMINGTON - 2-55
3 - FULL POKET - 3-55
4 - FERNAND GAIS - 4-55
5 - QUERO ALEGRIA - 5-55
6 - É DO IGUASSÚ (P1) - 6-55

7º PÁREO - 1.600 METROS
R$ 1.700,00 - 510,00 - 340,00 - 170,00 - 85,00
ÀS 19:55 - (T-11) - TRIFETA
OPEN BETTING
1 - PREGA FOGO - 1-54
2 - OUR SMILE - 2-52
3 - URUGUAYO DI PUNTA - 3-54
4 - QUADRIALADO - 4-56
5 - HERR VICTOR - 5-57
6 - ILVESSILLOTRICOLOR - 6-56

8º PÁREO - 1.400 METROS
R$ 1.700,00 - 510,00 - 340,00 - 170,00 - 85,00
ÀS 20:20h - (T-09) - TRIFETA - QUADRIFETA
OPEN BETTING
1 - JOGO DE OSSO - 1-56
2 - LORD CAPTAIN - 2-58
3 - TSOTSI - 3-58
4 - DILIGÊNCIA - 4-55
5 - DOUBLE GATE - 5-58
6 - BARRA FUNDA - 6-55
7 - SANDALO - 7-56
8 - CAPTAIN WORTH - 8-54
9 - BARBARIAN RUNNER - 9-57
10- ITACUÃ - 10-58

9º PÁREO - 1.200 METROS
R$ 1.700,00 - 510,00 - 340,00 - 170,00 - 85,00
ÀS 21h - (T-02) - QUADRIFETA GARANTIA R$ 7.000,00
OPEN BETTING
1 - BAMBINA D’FIORE - 1-54
2 - CONÍFERA (P1) - 2-54
3 - CICLISTA (P1) - 3-54
4 - MADEIRA NOBRE (P2) - 4-56
5 - PARDAL FIGHTER - 5-56
6 - CASUAL LIFE - 6-54
7 - DALLE NERGY - 7-56
8 - PETUNIA RESEDÁ - 8-54
9 - URSO VOADOR (P2) - 9-56
10- TASIL - 10-54
11- ANNY DI NORDICA - 11-54

Gávea, Indicações para Hoje, 27/05, Thiago Fernandes

1º Páreo: Bizão do Sul (4) – Caminho do Bem (1) – Bizão Negro (6)
2 º Páreo: Fogo (7) – Apollo Alado (3) – Padwell (5)
3 º Páreo: Indio de Bagé (3) – Tomjobim Di Glory (8) – Buck Hills (6)
4 º Páreo: Blechnum (2) – Desejado Purse (1) – ZéCaximba (4)
5 º Páreo: Gran Iberico (3) – Perdiz Colorada (2) – River Sun (4)
6 º Páreo: Red Soldier (5) – Nixon In China (8) – Epopéia (4)
7 º Páreo: Jump Of Cord (4) – Diferenciado (1) – Monte Lupo (7)
8º Páreo: Great Camila (2) – Quick Cat (7) – Ylle Di Josefine (9)
9 º Páreo: Uragano Point (3) – Navio Fantasma (8) – Artilheiro (1)

por Thiago Fernandes

Elpídio Donizetti Nunes, o que mais gosto dela é o seu texto

O que mais gosto dela é o seu texto", diz desembargador que empregou ex-mulher com salário de R$ 9,2 mil em Minas Gerais

“O que eu mais gosto dela é o seu texto na língua pátria, porque, às vezes, é difícil achar servidores com essa condição", disse o desembargador Elpídio Donizetti Nunes, que nomeou sua ex-mulher, Leila Donizetti Freitas Santos Nunes, para o cargo de assessor judiciário do gabinete da 18º Câmara Cível do tribunal com salário de R$ 9.200 por mês.

O CNJ (Conselho Nacional de Justiça) determinou ao Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJ-MG) a exoneração da servidora . Segundo o órgão, sua nomeação para o gabinete do ex-marido teria sido em razão de acordo formalizado na separação judicial do casal.

No entendimento do CNJ, Elpídio Nunes trocou o pagamento da pensão à ex-mulher pelo salário do cargo. O CNJ considerou o fato como nepotismo.

Conforme o órgão, o acordo foi homologado pela juíza da 2ª. Vara Cível da Comarca de Nova Lima (MG), Adriana Rabelo. Além disso, o pacto contou com parecer favorável emitido pelo MPE (Ministério Público de Minas Gerais).

Para o relator do processo, conselheiro Jefferson Kravchychyn, “a atuação do desembargador, que entrelaça sua vida particular com sua posição como membro do Tribunal de Justiça mineiro, ofende frontalmente a Lei Orgânica da Magistratura Nacional”, informou no seu despacho.

Em nota, a assessoria do TJ do Estado informou que o tribunal “tão logo seja oficialmente comunicado do teor da decisão adotará todas as medidas necessárias para seu fiel cumprimento”.

A denúncia partiu do Sinjus-MG (Sindicato dos Servidores da Justiça de 2ª Instância do Estado de Minas Gerais).

“Em novembro do ano passado, nós pedimos para apurar porque observamos que o sobrenome dela era idêntico ao do desembargador. O CNJ apurou, para surpresa de todos, que no termo de separação existia a cláusula que o desobrigava de pagar pensão, enquanto a ex-esposa permanecesse no cargo comissionado”, afirmou Robert Wagner França, presidente do Sinjus.

Segundo o dirigente, Leila Nunes é servidora concursada do tribunal e estava lotada em gabinete de outro desembargador, que havia se aposentado. Em outubro do ano passado, ela teria sido nomeada pelo ex-marido para trabalhar no seu gabinete.

Outro lado

O desembargador Elpídio Donizetti Nunes disse à reportagem do UOL Notícias que, em momento oportuno, vai apresentar a sua defesa. Ele negou as acusações e declarou existir um recibo, assinado pela ex-esposa, no qual ele afirma ter quitado pendências financeiras que tinha com a ex-mulher antes de indicá-la para o gabinete.

Ainda conforme o magistrado, nesse recibo consta a sua desobrigação de ressarcir a ex-mulher em caso de perda da função comissionada. Segundo ele, esse documento serve de base para a sua defesa.

Em outra linha, Nunes defendeu a indicação da ex-mulher por conta da capacitação dela.

“É uma das pessoas mais gabaritadas da Justiça de Minas Gerais ou até do país. Ela me ligou e disse que o desembargador com quem ela trabalhava se aposentou. Eu a convidei para trabalhar comigo, mas ela teve convites para trabalhar em gabinetes de vários desembargadores”, afirmou.

Segundo ele, a ex-mulher é mestre em direito civil e faz doutorado na Universidade de Sorbonne, em Paris. Ainda conforme o desembargador, a servidora fala fluentemente pelo menos duas línguas. Nunes disse que, após receber a notificação, vai recorrer da decisão

Nos bastidores de Cidade Jardim

Nos bastidores de Cidade Jardim

1 - Conforme noticiado ontem pela Tv Jockey, vários proprietários estarão desembarcando seus animais aqui em cidade Jardim, inclusive neste mês. O Stud Alvarenga (que já tem animais inscritos nesse final de semana) já contará com 10 pensionistas em suas cocheiras aos cuidados do competente Nilson Lima.

2- O Stud Palurape/Patylippe também trouxe 12 animais para São Paulo, entre eles Really Special e Paty Cash e estão aos cuidados do treinador E.G.Silva, tendo como também jóquei oficial, Manuel Aurélio.

3 - O treinador Carlos César Carlindo está de malas prontas para a "Paulicéia", trazendo consigo, os animais de Camil Jamil Georges, titular do Haras Ponta Porã. Sorte ao experiente profissional e ao modelar haras.

4 - O Stud Rancho 3, de Subeida e Aíres Mendonça ( que comandaram a mesa "goiana" nas festividades do São Paulo 2011), adquiriu o Grupo 25 em Cidade Jardim, onde conta com cerca de 14 animais tendo C.M.Silva como treinador. Muitas alegrias e vitórias ao casal nessa nova empreitada!

5 - Chegou às cocheiras do treinador Pedro Nickel uma potranca de 2 anos, ainda sem nome, filha de Frascatti com Durban Thunder, ou seja, irmã inteira da ótima Facamp (3 anos 2 Vitórias).

6 - Ainda falando sobre o Haras Santa Camila, o bom potro Formando, que reapareceu com ótima vitória em seu último compromisso, ainda não tem futuro definido. O objetivo será corrê-lo em algum "semi-clássico" na pista de areia, raia onde só conheceu derrota 1 vez em quatro apresentações.

7 - O jóquei Nelson Souza não atuou na reunião da última noturna pois está com suspeita de érnea na coxa direita, ocasionando fortes dores. Provavelmente o experiente piloto deverá ficar afastado ainda por alguns dias.

8 - A aprendiz de de 1ª Categoria Jaqueline Cabral não montou nesta semana pois teve um pequeno mau súbito, mas já reestabelecendo-se. Já F.Larroque que caiu do dorso de Rocambole, graças a Deus, nada sofreu.

9 - Luis Sérgio Cavalcanti Paiva, mais conhecido como Sérginho, filho de Ségio Pragana Paiva e sobrinho de Paulo Pragana Paiva, titulares do Stud São José dos Bastiões, também alojou alguns de seus animais em Cidade Jardim, com os treinadores E.P.Gusso, A.Magalhães Fº e O.Jeronimo. À Saber: Araripe; Full Gás, Gota Cristalina, Vanilla and Soda; Varenzo e Eagle Vision, respectivamente. Além destes, possui animais no Tarumã, Rio de Janeiro e nas pencas. Toda a sorte do mundo ao amigo!

10 - Há fortes rumores que o Jockey Club estará reformando todas as calçadas da Vila Hípica, e ja está em início de processo, tirando algumas árvores que estariam prejudicando o local, por causa das raízes que quebravam o asfalto. À conferir!

por Ivan Jeronimo

Rosie Napravnik



Rosie Napravnik primeira mulher a ganhar o Louisiana Derby aqui trabalhando animal em Louisiana

Maylan Studart, por Joe Labozzeta



descontraida foto da Joqueta Maylan Studart

Red Rock Canyon, apresentação neste sábado

NESTE SÁBADO... - A partir das 12h no Haras Las Madres, a apresentação do garanhão Red Rock Canyon, filho de Rock Of Gibraltar (Danehill) e IMAGINE (Sadler’s Wells). Em 2011 não será vendida nenhuma cobertura. Aos criadores interessados que desejarem enviar éguas, o haras cederá gratuitamente, até um máximo de 35 coberturas para éguas selecionadas. Esta será a carta máxima de monta do garanhão este ano. O objetivo desta inovadora estratégia é o de assegurar uma carta de monta reduzida, de forma a possibilitar aos criadores uma demanda melhor no futuro, e não “inundar” o mercado com muitos produtos do citado garanhão em leilão. Na oportunidade será servido um almoço. Maiores informações e confirmação de sua presença, pelo telefone (41) 3023-6466 ou falecom@agenciatbs.com.br.

Tarumã com poucos animais

POR PURA... - Falta de inscrições não teremos corrida nesta sexta-feira. Contamos atualmente com um plantel de 450 animais alojados em nossa Vila Hípica. Daí a dificuldade em formar o programa. Em tempos passados chegamos a ter mais de 1.000 cabeças. Estamos preocupados com o futuro do nosso turfe.

por Dalton Mehl Andrusko

Giruá, Encerrada a carreira do craque Giruá


Giruá, o "Expresso de Prata", fez história no Turfe Brasileiro

Como todas as tentativas e esforços que foram feitos para que o cavalo Giruá retornasse as pistas infelizmente não deram certo, foi decidido pelo fim da carreira do valoroso tordilho. Giruá já deixou o Hipódromo de Cidade Jardim, aonde estava alojado, e encontra-se em um Haras na região de Sorocaba, interior de São Paulo.

Giruá é um filho de Bonapartiste e Ellefrance por Fast Gold, criado por Elói José Quege. Em sua carreira, sempre envergando a farda de Eládio Mavignier Benevides, competiu 15 vezes (3 no extinto Hipódromo do Pici, no Ceará, aonde foi Tríplice Coroado, 11 em Cidade Jardim e uma na Gávea) e obteve 14 vitórias, lembrando que na carreira em que perdeu sua invemcibilidade, seu jóquei correu destribado grande parte do percurso.

por Roberto Micka

Mataram Zé Claudio e Dona Maria




"Qualquer coisa que eu fale, e qualquer coisa que eu escreva, tem lágrima. Eu acho que a tinta, quando eu to escrevendo, ela é borrada pela lagrima". Pausa. Choro. Lágrimas.

E dona Maria continua: "A ousadia. Ela é uma coisa que alimenta, para mim. Alimenta a luta". Mais choro.

Estamos sentados na varanda de sua casa, no assentamento agroextrativista Praia Alta Piranheira. Faz um dia bonito, sol forte, mês de outubro de 2010. A varanda é o "escritório" de Dona Maria, disse o marido seu Zé Cláudio.

Seu Zé Cláudio anda impaciente, enquanto dona Maria está sentada conversando comigo. Ele fica nervoso. Sabe que ela fala. E dona Maria conta as ameaças que eles têm sofrido. Intimidações. Recados. As angústias. Os madeireiros que querem cortar as castanheiras. Os carvoeiros que querem fazer carvão. Os fazendeiros que querem pasto. É mulher forte. E sensível. Está concluindo a dissertação de mestrado - "quero estudar o nosso projeto de assentamento. Quem vem fazer pesquisa aqui, vem e vai, não volta." Ela quer fazer um livro. Porque acha que as histórias devem ficar escritas.

Ela me disse coisas muito bonitas. Cheia de lágrimas:

"Quando criou esse assentamento, pra mim era uma coisa tão distante. E eu sou do campo. Meu pai era do campo, nunca criou boi, sempre colheu da floresta. Com esse projeto, eu, como liderança dos povos extrativistas, toda a minha trajetória, chegando aqui, essa história de luta que nós estamos construindo aqui dentro. Todas as coisas bonitas. Foi um modelo em 1997. Hoje, contamos com o Conselho Nacional dos Seringueiros e a Comissão Pastoral da Terra. Ninguém mais apóia. Isso foi me angustiando. Surgiu a idéia de escrever um livro. O projeto ta sendo saqueado a cada momento, a biodiversidade está desaparecendo.

Os demais, são só omissos.

Tem que ficar alguma coisa escrita. Não pode eu fazer só o trabalho para universidade. Mas para eu deixar alguma coisa para as futuras gerações. Se você voltar daqui a um mês, ou daqui 10 anos, não importa. O dia que você voltar aqui você vai encontrar as mesmas pessoas, só um pouco mais velhas, já que a cada dia a gente envelhece. Mas a floresta é essa mesma. A idéia é essa mesma."

Seu Zé Cláudio, um bravo guerreiro, estava revoltado com a venda ilegal de madeira: "quem compra?" E se dizia o verdadeiro ambientalista: "por que eu moro na floresta, eu vivo nela, e não vendo."

O casal foi assassinado na manhã desta terça-feira, por volta das 7:30, a cerca de 8 km de sua casa, enquanto iam para Marabá. Dilma mandou que a Polícia Federal investigasse - mandar a polícia investigar um crime seria necessário se não houvesse uma lei que obrigue a tanto. Mais justo teria sido o Planalto mandar algum representante para acompanhar as investigações, ao local, como foi feito no assassinato da irmã Dorothy Stang.

No mesmo dia do crime, à noite, a Câmara dos Deputados aprovou o projeto do novo Código Florestal.

Na plenária, o deputado Sarney Filho (PV), leu trechos de uma reportagem que escrevi sobre Zé Cláudio (http://www.viceland.com/blogs/br/2010/10/28/ze-claudio-e-a-majestade/). Zé Cláudio dizia amar a floresta, e queria que suas cinzas fossem enterradas junto da Majestade - a linda e imponente castanheira que ainda está de pé, dentro do seu lote. Muitos no plenário se emocionaram. Alguns choraram. Como eu choro quando releio o texto. Como as lágrimas que estão no teclado enquanto escrevo esse texto.

O assassinato do casal poderia tê-los tornado mártires em defesa da floresta. Mas nesse mesmo dia, os representantes da nação preferiam apontar um caminho diferente para o futuro: aquele onde a floresta, se continuar a existir, não terá importância para os brasileiros. Onde a biodiversidade, que tanto encantava seu Zé Cláudio Ribeiro da Silva e dona Maria do Espírito Santo, corre o risco de ser reduzida a pasto e boi. Num campo marcado de sangue.


Felipe Milanez é jornalista e advogado, mestre em ciência política pela Universidade de Toulouse, França. Foi editor da revista Brasil Indígena, da Funai, e da revista National Geographic Brasil, trabalhos nos quais se especializou em admirar e respeitar o Brasil profundo e multiétnico.

Fale com Felipe Milanez: felipemilanez@terra.com.

quinta-feira, 26 de maio de 2011

Nos bastidores da Madalena

Nos bastidores da Madalena

1 - Presença maciça de turfistas pernambucanos na festa do Grande Premio São Paulo. Foi grande a movimentação nas cocheiras, visando a compra de animais para encorpar os plantéis para as reuniões festivas que já se iniciam em Julho neste ano. Os animais já começaram a chegar e mais dois caminhões estão chegando nessa semana.

2 - O Stud FBL, de Bruno Rodrigues e Cláudio Dagenvich, no único Leilão de Treinamento realizado na semana máxima paulista adquiriu os arenáticos Verano (5 anos, 6 vitorias, colocação clássica) e Really Special (4 anos, 4 vitorias no eixo Rio/São Paulo). Já estão sendo embarcados para a Madalena.

3 - O Stud 3 Irmãos, capitaneado pelo entusiasta Tenente Marquinhos adquiriu o craque arenático Tatamovitch, ganhador da 3ª. Prova da Tríplice Coroa Paranaense, na areia em 2000 metros e que após ótima figuração terminou em terceiro no Classico Delegações Turfísticas, realizado na segunda feira festiva do GP São Paulo. Força total para o Bentão 2011.

4 - Desencabulou na Madalena o vitorioso em Cidade Jardim, Stud JPN, com bela vitória da Dance Hits, neste domingo, dia 22. Ernane e Flavio Barbosa que receberam com excelente churrasco todos os amigos em sua bem montada cocheira de Cidade Jardim, na semana do São Paulo prometem reforços para a coudelaria em Pernambuco.

5 - Não foi surpresa para o staff do Haras Bongy a fácil vitória do Vôo Solo em 1.500 metros. Cavalo especialista em tiros curtos, surpreendeu a cátedra, que não acreditava em suas possibilidades naquela distancia. Perfeita a condução do petiço aprendiz Alan Maciel e o preparo de Edmilson Lima. Os Medeiros levavam muita fé e comemoraram bastante, como de costume.

6 - O cavalo Forever Friends, de campanha muito útil, foi vendido para o Stud Parente e já defendeu esta farda em ótimo segundo lugar, domingo passado.

7 - Simplesmente sensacional a apresentação de Upper Winner, em sua vitória neste final de semana. Marcou 110 para os 1700m ganhando por 16 corpos, sem ser exigido. O publico vibrou bastante, mostrando que sabe apreciar um craque. De parabéns seu proprietário o Dr. Guarany Montalverne.

8 - A grande surpresa da reunião foi a ausência do Dr. Guarany na foto da vitória do Upper Winner, depois de um final de semana onde esteve presente maciçamente no paddock e no winner circle de Cidade Jardim, onde tem inúmeros amigos.

9 - Próximo dia 26 de Junho será corrido o Grande Premio Prefeitura da Cidade do Recife em 2.200 metros. A Diretoria esforça-se junto ao Prefeito para a realização de uma grande festa.

10 - Bento Magalhães agradece o apoio recebido por diversos turfistas, e promete que sempre se dedicará ao máximo em prol da divulgação do Turfe Pernambucano.

por Bento Magalhães

Paddy O’Prado não correrá mais



Paddy O’Prado foi aposentado nas pistas
Depois de um ótimo reaparecimento em 21 de maio, quando venceu o Dixie Stakes (gr.II), os proprietários de Paddy O’Prado, que havia ficado 6 meses longe das pistas para curar um grave problema locomotor, decidiram, em conjunto com o treinador Dale Romans, retirá-lo definitivamente das competições.

A decisão foi tomada após uma radiografia feita no dia 22, um dia depois da sua última vitória, que revelou uma fratura dos sesamoides da perna direita.

"Ele estava visivelmente irritado. Paddy não estava correndo perigo na corrida, mas sabíamos que havia um problema", disse Romans.

Adquirido em setembro de 2008 num leilão de potros em Keeneland por um grupo de 11 proprietários por $105 mil dólares, Paddy O’Prado conquistou o Secretariat St.(Gr.I), Colonial Turf Cup St. (Gr.II), Virginia Derby (Gr.II), Dixie St. (Gr.II) e o Palm Beach St. (Gr.III), faturando um total de $1,721,297 dólares.

Paddy O’Prado, filho de El Prado e Fun House (Prized), criado pela Winchell Thoroughbreds LLC, será levado à reprodução, mas ainda não foi definido onde servirá.

por Rodrigo Pereira

Copa dos Dois Anos e Prova Especial agitam o final de semana carioca

Uma ótima programação foi formada para este conjunto de reuniões a serem realizadas no Hipódromo da Gávea. Serão nove páreos na sexta-feira, 11 no sábado, o mesmo número no domingo e dez na segunda-feira. Os holofotes estarão voltados para a Copa dos Dois Anos para potrancas e potros, a serem realizadas no domingo.

No sábado, porém, acontece a Prova Especial Joiosa, em 1.000 metros, grama. Já sendo conhecida a deserção de Birrenta (9), as inscritas foram: Jump Magic - B.Reis (58-1), Unica Gaúcha - H.Fernandes (58-2), Pera Manca - M.Cardoso (58-3), Vagareza Queen (P1) - R.Costa (48-4), Única Dama (P1) - I.Correa (56-5), Urban Girl - Jean Pierre (56-6), Flynn - E.Ferreira Filho (48-7) e Super Blonde - M.Soares (58-8). Esta prova tem largada prevista para as 15h55.

No quinto páreo de domingo, às 15h55, acontece o GP Francisco Vilella de Paula Machado (G2) – Criterium de Potrancas – Segunda Etapa da Copa dos Dois Anos, em 1.500 metros, grama. As competidoras anotadas foram: Pró Memória - Duarte (55-1), See The Star(ARG) (P1) - H.Fernandes (55-2), La Fleur - E.Ferreira Filho (55-3), Olê Olê Olá - I.Correa (55-4), Via Blue - C.Lavor (55-5), I Scream - M.Cardoso (55-6), Jet Queen - M.Soares (55-7), Fusili (P1) - M.Mazini (55-8), Fio de Seda - R.Salgado (55-9), Utopie D'Amour - L.Duarte (55-10), Farfarella Mia - V.Gil (55-11) e Follow - M.Almeida (55-12).

Logo no páreo seguinte, num campo bastante cheio e seleto, será realizado o GP Conde de Herzberg (G2) – Criterium de Potros – Segunda Etapa da Copa dos Dois Anos, também no quilômetro e meio do gramado. Joe Diesel - H.Fernandes (55-1), Sending Kisses - D.Duarte (55-2), Tavares Rico - C.G.Netto (55-3), Energia Davos - B.Reis (55-4), Villeron - J.Leme (55-5), I Say You Stay - M.Soares (55-6), Fita Azul - M.Almeida (55-7), Blefador - C.Lavor (55-8), Desejado Tide - L.Duarte (55-9), Vendel - I.Correa (55-10), Not To Tell You - M.Cardoso (55-11), Zeferino - V.Gil (55-12) e Firme - M.Mazini (55-13).

por Danielle Franca

Gata adota pintinhos na China

Conheça Niu Niu, a gata chinesa que adotou pintinhos
A gata chinesa Niu Niu, chocou seu dono Lao Yang ao contrariar sua tendência, digamos, "felina" e agir como mãe de 30 pintinhos recém-nascidos.

No começo o fazendeiro ficou irado quando viu Niu Niu com as aves, e chegou a ser injusto com ela. "Voltei para casa e vi Niu Niu dentro da caixa dos pintinhos. Achei que ia comê-los", disse. "Gritei com ela, que congelou na hora. Só então percebi que os pintinhos estavam pululando em cima dela e que ela estava apenas brincando com as aves", conta Yang.

Mas moderna como só ela, Niu Niu não se deixou abalar e ganhou a confiança do dono. Agora ele deixa a gata de babá das aves quando sai de casa.

"É impressionante. Niu Niu chega até a abraçar os pintinhos quando vão dormir, e eles a aceitam como se fosse mãe. Até a seguem a todos os lugares!", se derrete o "avô".

Mas fica ainda a pergunta que não quer calar: onde está a galinha desnaturada que pariu essas fofuras?

RIO NEGRO, GP NESTE FINAL DE SEMANA


NESTE FINAL DE SEMANA GP DIAS 28,29/30/05/2011 – DISTÂNCIA 500 METROS NO JOCKEY CLUB DE RIO NEGRO PR

Égua cega de Montana recebe cuidados e "escolta de gangue" de animais


Sissy, uma égua cega, recebe cuidado e escolta de cinco cabras e cinco ovelhas

Uma verdadeira gangue de animais, formada por cinco cabras e cinco ovelhas, pratica uma espécie de escolta e auxílio à Sissy, uma égua cega de 15 anos, que vive numa fazenda no Estado de Montana, nos Estados Unidos.

Michelle Feldstein, de 66 anos, dona do local - que é um abrigo de animais - disse ao site "Metro.co.uk" que está acostumada a encontrar animais em situações incomuns, mas que desta vez ficou impressionada.

"Já vi patos que não conseguem voar, gatos sem garras e lhamas nômades, mas nunca vi uma amizade como essa", diz. É um senso de camaradagem, respeito ao próximo e solidariedade que não se vê todos os dias.

"A comitiva que toma conta de Sissy a circunda na hora das refeições e a faz chegar corretamente ao feno. Eles também mostram a ela onde está a água e avisam onde estão as cercas", conta Feldstein, ressaltando que eles cuidam da égua mesmo quando há tempestades de neve ou chuvas torrenciais.

Como explicação ao caso, a dona do local apela para o místico e faz uma reflexão válida: "acredito que exista uma magia envolvida nessa amizade entre égua, ovelhas e cabras. Quando os observo, me pergunto por quê as pessoas não podem fazer isso também".

Ai, os seres humanos...

TABLADA, CHAMADA PARA PE EM 3000 METROS

Chamada para Páreo Especial - 3.000 metros - dia 05/06/11

Todos animais abaixo, estão alistados com 55 quilos.

Lord Cardinal
Public School
Um Balaço
Oakfast
Tamborim
Nevesmussi
Scorpion Heights
Vielki
Sunset Boulevard
Urbino Danz
Fuco
Quadriveloz
Papão
Gamão
Deu Certo
Netuno
Victor Rei
Milenar
Tese Publica
Setembro Neva

ITAJAI, GP NESTE FINAL DE SEMANA


NESTE FINAL DE SEMANA GP DIAS 28,29,30/05/2011 – NO JOCKEY CLUB DE ITAJAI SC – DISTÂNCIA 500 METROS, MUITAS PARCERIAS SE ENCONTRAM NO RECINTO – MAIS INFORMAÇÕES : (47) 9975 9524

fonte - Soretas

CRISTAL, INDICAÇÕES DE mARCELO SANTANA PARA ESTA QUINTA, 26.05

1º Páreo: Sonho Real (3) – Papão (1) – Quick Runner (4)
2º Páreo: O Alpinista (1) – Quiero La Noche (5) – Mestre dos Reis (3)
3º Páreo: Flower Punk (4) – Ih Cacilda (3) – Thunder Honey (2)
4º Páreo: Petalo de Fiato (7) – Azul Áquila (1) – Arqueiro do Rio (6)
5º Páreo: Grecco Sim (2) – Boy Cott (1) – Jester Quim (6)
6º Páreo: Elas Por Elas (1) – Spiletta (5) – Sociedade Anônima (3)
7º Páreo: Dois Esquerdos (3) – Olympic Prize (7) – Revolutionnaire (6)
8º Páreo: Estação Top (3) – Feé Marraine (2) – Ursa Ridge (6)
9º Páreo: Faceiro (2) – Charlie Chan (8) – Olympic Feltran (7)
10º Páreo: Puglia (2) – Grande Crack (4) – Urucum (8)

por Marcelo Santana

AMBIENTALISTAS SÃO ENTERRADOS NO PARÁ... NÃO DÁ PARA FICAR CALADA!!!!!

AMBIENTALISTAS SÃO ENTERRADOS NO PARÁ... NÃO DÁ PARA FICAR CALADA!!!!!
Gente, eu estou muito mal com este caso... me abalou muito... José fala que sabia que iam matá-lo... No vídeo da Record é que a gente vê o poder do dinheiro, da omissão das autoridades, da conivência dos órgãos públicos...

Seu Julio, aqui no Rio, na Reserva do Tinguá nem é lembrado... mas, ele denunciou caça ... isto não dava IBOPE em 2005... Ele, também, foi barbaramente assassinado.... Seu assassino foi preso e foi morto depois que foi solto... é, ele foi solto.... Em 2010 publicamos esta matéria do link abaixo sobre estarem ameaçando o chefe desta mesma Reserva. Ele, também, estava denunciando os malditos caçadores desgraçados. Se quiser lembrar, clica no link http://ogritodobicho.blogspot.com/2010/03/pf-investiga-plano-para-matar-chefe-da.html

Sei como José e Maria se sentiram, pois, também, fui ameaçada... Vivi um ano em desespero... ameaçavam meu filho e mãe.... Meu Deus, eu não me conformo com a morte deste casal... não dá para aceitar isto como mais um caso qualquer.... NÃO DÁ!!!!!

Não interessa campanha para pedir justiça.... Justiça? grande parte dela está envolvida.... a coisa é muito grande... é muito grave.... Precisamos fazer algo mais forte ... mas, o que seria, meu Deus?

fonte - O Grito do Bicho
http://ogritodobicho.blogspot.com

Resolução da CC do JCB - suspensão de M.Mazini e L.Duarte em SP

Resolução da CC do JCB - suspensão de M.Mazini e L.Duarte em SP

JOCKEY CLUB BRASILEIRO
BOLETIM OFICIAL Nº 92 de 18 de MAIO de 2011
RESOLUÇÃO DA COMISSÃO DE CORRIDAS

Em 18 de MAIO de 2011

Tomar conhecimento e ratificar a resolução do Jockey Club de São Paulo suspendendo os jóqueis M.MAZINI (TIME TO FLY), no dia 28/05/11 e L.DUARTE (AYE LAD), dia 30/05/11, por terem prejudicado competidores durante o percurso

PELOTAS, JOCKEY PAGA OS PRÊMIOS NO MESMO DIA DA COMPETIÇÃO

O Jockey Club de Pelotas é pioneiro no pagamento dos prêmios e cominssões, que fizerem juz os Senhores Proprietários, Treinadores e Jóqueis,no mesmo dia da competição

Leilão de cavalos pode movimentar até R$ 1,5 milhão

Leilão de cavalos pode movimentar até R$ 1,5 milhão

Leilão com cavalos lusitanos que será realizado neste sábado (21), no interior de São Paulo, deve movimentar até R$ 1,5 milhão Divulgação
Já pensou em investir em cavalos? O mercado é bastante específico e para quem entende. Neste sábado (21), haverá um leilão com cavalos lusitanos, em Araçoiaba da Serra (interior de São Paulo), com previsão de movimentar até R$ 1,5 milhão.

Segundo o organizador do evento, o empresário José Victor Oliva, serão leiloados 30 animais da raça lusitano, espécie muito utilizada para a prática do adestramento clássico, um esporte olímpico.

Oliva é um conhecido empresário que fez sucesso na noite de São Paulo, com casas como o Gallery. Ele também foi casado com a ex-jogadora de basquete Hortência.

“Os cavalos que estarão no leilão ainda são novos, mas têm muito potencial. Se um animal desses se transformar em um campeão, ele pode valer até dez vezes mais em poucos anos”, disse.

Investir em cavalos é para quem "conhece do assunto", dizem especialistas
Cada animal vive uma média de 20 anos, e não deve sair por menos de R$ 30 mil.

“Hoje, os melhores cavalos do país valem até US$ 200 mil. Nosso objetivo é poder atingir os valores lá de fora, que giram em torno de US$ 500 mil por um excelente garanhão”, declarou.

Apesar de haver registros no país desde a época do descobrimento, o rebanho atual de cavalos lusitanos não passa de 4.000 animais. De acordo com Oliva, ainda é um número pequeno se comparado com os 6 milhões de cavalos do país.

“Em Portugal, é o cavalo utilizado nas touradas. Aqui nós melhoramos as condições de criação, e ele acabou se destacando nas provas de adestramento clássico e isso aumentou o valor da espécie”, afirmou.

Entre as características que se destacam do animal, Oliva fala do “conjunto da obra”.

“O cavalo lusitano tem a beleza e a mansidão. É um ótimo presente para uma criança ou um iniciante no hipismo. É um cavalo que você não passa susto. Ele é vibrante, mas gosta de ser montado” declarou

"por que eu moro na floresta, eu vivo nela, e não vendo."




"Qualquer coisa que eu fale, e qualquer coisa que eu escreva, tem lágrima. Eu acho que a tinta, quando eu to escrevendo, ela é borrada pela lagrima". Pausa. Choro. Lágrimas.

E dona Maria continua: "A ousadia. Ela é uma coisa que alimenta, para mim. Alimenta a luta". Mais choro.

Estamos sentados na varanda de sua casa, no assentamento agroextrativista Praia Alta Piranheira. Faz um dia bonito, sol forte, mês de outubro de 2010. A varanda é o "escritório" de Dona Maria, disse o marido seu Zé Cláudio.

Seu Zé Cláudio anda impaciente, enquanto dona Maria está sentada conversando comigo. Ele fica nervoso. Sabe que ela fala. E dona Maria conta as ameaças que eles têm sofrido. Intimidações. Recados. As angústias. Os madeireiros que querem cortar as castanheiras. Os carvoeiros que querem fazer carvão. Os fazendeiros que querem pasto. É mulher forte. E sensível. Está concluindo a dissertação de mestrado - "quero estudar o nosso projeto de assentamento. Quem vem fazer pesquisa aqui, vem e vai, não volta." Ela quer fazer um livro. Porque acha que as histórias devem ficar escritas.

Ela me disse coisas muito bonitas. Cheia de lágrimas:

"Quando criou esse assentamento, pra mim era uma coisa tão distante. E eu sou do campo. Meu pai era do campo, nunca criou boi, sempre colheu da floresta. Com esse projeto, eu, como liderança dos povos extrativistas, toda a minha trajetória, chegando aqui, essa história de luta que nós estamos construindo aqui dentro. Todas as coisas bonitas. Foi um modelo em 1997. Hoje, contamos com o Conselho Nacional dos Seringueiros e a Comissão Pastoral da Terra. Ninguém mais apóia. Isso foi me angustiando. Surgiu a idéia de escrever um livro. O projeto ta sendo saqueado a cada momento, a biodiversidade está desaparecendo.

Os demais, são só omissos.

Tem que ficar alguma coisa escrita. Não pode eu fazer só o trabalho para universidade. Mas para eu deixar alguma coisa para as futuras gerações. Se você voltar daqui a um mês, ou daqui 10 anos, não importa. O dia que você voltar aqui você vai encontrar as mesmas pessoas, só um pouco mais velhas, já que a cada dia a gente envelhece. Mas a floresta é essa mesma. A idéia é essa mesma."

Seu Zé Cláudio, um bravo guerreiro, estava revoltado com a venda ilegal de madeira: "quem compra?" E se dizia o verdadeiro ambientalista: "por que eu moro na floresta, eu vivo nela, e não vendo."

O casal foi assassinado na manhã desta terça-feira, por volta das 7:30, a cerca de 8 km de sua casa, enquanto iam para Marabá. Dilma mandou que a Polícia Federal investigasse - mandar a polícia investigar um crime seria necessário se não houvesse uma lei que obrigue a tanto. Mais justo teria sido o Planalto mandar algum representante para acompanhar as investigações, ao local, como foi feito no assassinato da irmã Dorothy Stang.

No mesmo dia do crime, à noite, a Câmara dos Deputados aprovou o projeto do novo Código Florestal.

Na plenária, o deputado Sarney Filho (PV), leu trechos de uma reportagem que escrevi sobre Zé Cláudio (http://www.viceland.com/blogs/br/2010/10/28/ze-claudio-e-a-majestade/). Zé Cláudio dizia amar a floresta, e queria que suas cinzas fossem enterradas junto da Majestade - a linda e imponente castanheira que ainda está de pé, dentro do seu lote. Muitos no plenário se emocionaram. Alguns choraram. Como eu choro quando releio o texto. Como as lágrimas que estão no teclado enquanto escrevo esse texto.

O assassinato do casal poderia tê-los tornado mártires em defesa da floresta. Mas nesse mesmo dia, os representantes da nação preferiam apontar um caminho diferente para o futuro: aquele onde a floresta, se continuar a existir, não terá importância para os brasileiros. Onde a biodiversidade, que tanto encantava seu Zé Cláudio Ribeiro da Silva e dona Maria do Espírito Santo, corre o risco de ser reduzida a pasto e boi. Num campo marcado de sangue.


Felipe Milanez é jornalista e advogado, mestre em ciência política pela Universidade de Toulouse, França. Foi editor da revista Brasil Indígena, da Funai, e da revista National Geographic Brasil, trabalhos nos quais se especializou em admirar e respeitar o Brasil profundo e multiétnico.

Fale com Felipe Milanez: felipemilanez@terra.com.